Hbdia
  • Feed do Hbdia
  • Twitter
  • Youtube

Sou um deus melhor pros meus peixes do que Deus é pra humanidade

Postado em 25 November 2013 Escrito por Izzy Nobre 30 Comentários

Este é o meu aquário.

Photo 11-23-2013, 4 13 05 PM

Tá bem sujo, eu reconheço, mas é que hoje é justamente o dia de limpa-lo. E foi justamente de frente com ele, lendo pela milésima vez as instruções do processo de limpeza (eu sou muito burro), que eu pensei no assunto deste post.

Pra entender a história desse aquário precisamos voltar aos longíquo ano de 2007. Minha mulher trabalhava numa pet shop e tinha acesso (com desconto) a tudo que era bichinho e acessório vendidos pela loja. E ela tava no tesão de ter um animal de estimação, mas a casa em que morávamos inviabilizava tal coisa. Sobrava apenas a opção de peixinhos.

Então minha mulher saiu comprando os materiais pra construir nosso aquário. Comprou o aquário e as pedrinhas, o material de limpeza, o filtro, e finalmente os peixinhos. A menina chega lá em casa com os peixinhos num saco, igual criancinha voltando da feira agropecuária, dizendo “olha, olha! Os peixinhos!”

E tal como a mesma criancinha, o interesse da Bebba nos seus novos animaizinhos de estimação teve pouca longevidade. E eu me vi herdando as responsabilidades de cuidar dos peixinhos.

De lá pra cá, sou o único responsável pelo aquário. Alimento os peixinhos, troco a água, compro filtros novos quando necessário. de uma certa forma, eu sou o deus desses peixes. Tenho poder completo sobre a existência e a qualidade de vida deles.

Não tenho qualquer expectativa dos peixes. A mim, tanto faz se eles “acreditam” em mim ou se acham que a comida aparece espontaneamente e a água fica limpa por mágica. Não observo o que eles fazem o tempo inteiro e tou cagando se os peixes machos estão se comendo.

Eu jamais mataria um peixe sequer, por qualquer motivo. Inclusive, quando minha mulher — a essa altura já totalmente de saco cheio do aquário — sugeriu que deveríamos apenas “nos livrar dele”, eu fiquei completamente horrorizado. E fazer o que com os peixinhos? MATA-LOS?! De forma alguma. São seres vivos que dependem completamente de mim. O único motivo pelo qual eles existem é porque eu me importo o bastante com eles pra ter o trabalho de, de 2 em 2 semanas, colocar um balde embaixo do chuveiro, encher dágua, esperar aclimatizar, levar o balde até o aquário (molhando todo o carpete no processo) e lentamente encher o aquário de volta.

E enquanto eu limpava o aquário eu não conseguia parar de pensar na disparidade entre a forma com a qual eu cuido do meu pequeno habitat, e a forma como Jeová cuida do nosso planeta. Tragédias naturais, fome e pestilências é apenas o topo do iceberg: o que dizer da idéia de um ser que nos criou e, embora ocupe um plano incrivelmente superior que o nosso — supostamente com coisas mais importantes a tomar conta — se ocupa obsessivamente com nosso comportamento, decidindo que alguns merecem sofrer eternamente por trivialidades como fazer sexo sem ser casados ou beber álcool?

Se uma mosca tem uma proximidade genética tão próxima com a gente, eu imagino que peixes devem estar mais próximos ainda

(Sim, eu sei que você vai falar que a sua congregação é super liberal e modernete não há dogma contra álcool. Acontece que existem muitos que dizem que é, e ambos não podem estar certos. Então temos que avaliar a possibilidade de que os alcool haters estão certos)

Por que Deus não cuida melhor do aquário dele…? Acho que nem em meus tempos de maior descaso e preguiça eu deixei o meu aquário ficar na condição em que Deus supostamente nos deixou. Sei que existe toda uma corrente de pensamento dogmático pra justificar o aparente descaso divino, mas nem quando eu era evangélico conseguia aceitar.

Se sem onipotência eu sou capaz de promover uma existência muito melhor pros meus peixinhos…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

Categorias: ateísmo

About Izzy Nobre

Oi! Eu sou o autor desta pocilga. Tenho 30 anos, também sou conhecido como "Kid", moro no Canadá há 10 anos, e sou casado com uma gringa. Geralmente perco meu tempo na internet atualizando este blog, batendo papo no twitter, produzindo vídeos para o youtube, e conversando sobre videogames antigos no podcast 99 Vidas. Se você gostou deste texto, venha me dizer um alô! Adoro conversar com os leitores :)

30 Comentários \o/

  1. O que você quis dizer com “aclimatizar” a água? Eu já tive aquário a muitos anos, pelo que me lembro, tem que esperar pelo menos 12 horas antes de colocar peixes na água da torneira, ou o cloro irá fuder com as branquias deles, matando-os.

    No mais é isso mesmo, a maioria (e espero que seja a maioria mesmo) das pessoas seriam um deus melhor que os da religiões.

    Minha namorada mesmo, não suporta como a natureza é cruel. Ela vive falando que a subsistência de um animal depender da morte de outros é muito cruel. E vendo de uma ótica humana e ética, é mesmo.

    mas o universo é amoral e está cagando pros seres vivos, deal with it.

  2. Wellington Alves says:

    Percebe-se que você não é ateu, apenas um filho revoltado! Rsrs
    O pior é que Deus deixou esse aquário com todas as condições para que nós vivamos bem, porém,o homem é o responsável por sua degradação.
    Quer um mundo perfeito aonde não haja dor, fome ou qualquer outro tipo de sofrimento? Então tenho uma boa notícia: Este mundo existe sim, mas não será aqui. Estamos apenas tendo a oportunidade de mostrar que queremos estar com o Pai neste outro mundo. Muito não querem isso e Deus respeitará suas escolhas.
    Vamos lá Izzy, o Pai está de braços abertos te esperando! Volte e traga a Beba com você, ela lhe será eternamente grata!

    • Lucas Oliveira says:

      Se há um mundo perfeito onde não haja dor, fome ou sofrimento porque os religiosos não param de encher o saco, se matam e vão pra lá logo?

      Se o mundo perfeito for cheio de gravatinhas religiosos que não bebem, fumam nem fodem eu prefiro ir pro inferno ser espetado pelo tridente do Capeta tomando uma cerveja com meus amigos.

      O mundo perfeito é o qual você está e faz parte. Se tua missão na Terra é ficar tentando falar pro máximo número de pessoas que o outro mundo vai ser bem daora, eu fico achando que você é daqueles corretores de imóveis chatos pra caralho tentando vender a ideia do “paraíso”.

      Eu não entendo essa lógica: O “pai” nos colocou nesse mundo, mas o mundo dele é muito mas daora (provavelmente com montanhas-russas, junk foods e bastante libertinagem). Porém só podemos ir pro parque de diversões da Jesus Inc. se formos bonzinhos no nosso mundo e aceitarmos os termos e condições dele.
      Deve ser foda desperdiçar a vida inteira não fazendo bosta nenhuma e quando chegar o paraíso o lugar for um saco, com filas intermináveis e gente te oferecendo o novo cartão da C&A

      • Eduardo Homem says:

        Religião é paixão os caras fazem de tudo fielmente,não tem traição,querem nos levar para este prazer que chamam de fé,mas quando doentes voltam a lucides e imploram para aqui ficar o maior tempo possível sinal de que não tem tanta certeza de seu destino final.O medo da morte faz os homens inventarem paraísos no pós morte,mas o bom do mistério é não ser desvendado se for deve ficar sem graça e massante.

    • Kelvy Lima says:

      quando acontece coisa boa é deus, quando acontece coisa ruim é o homem. Sempre a mesma.

  3. Diego says:

    Só há uma diferença entre você e os deuses: Você existe.

  4. Santos says:

    Depende muito da concepção de Deus. Achei o seu papel mais próximo a o de um Demiurgo.

    De toda forma, se existe um Deus ele provavelmente pouco se assemelha ao homem, aliás, ele deve estar cagando e andando com tudo que acontece.

    Por que ele deveria intervir em qualquer coisa? Não estaríamos esperando humanidade de algo não humano?

  5. Barbosa says:

    Tente parar de considerar religião e Deus como igreja evangélica. Existem outras religiões cristãs que te explicam detalhadamente e com exemplos as tragédias naturais e seus motivos, como o espiritismo. Não só as tragédias, como o tal “descaso”. Na verdade, eu nunca achei uma pergunta filosófica sem resposta no espiritismo, se você achar me fala, Izzy.

  6. Bruno Guedes says:

    Acho que está é a primeira vez que o senhor fala em detalhes sobre os seus peixes. Gostei. 🙂

    Já estão, claro, botando a culpa na gente, ignorando o fato de que neste paralelo você poderia muito bem deixar seus peixes nadando nos próprios dejetos e depois culpar eles pelo envenamento por amônia e tals.

    Por mim Nietszche(que tem um nome mais curto, porém paradoxalmente mais difícil de acertar de primeira que o Schwarzenegger) fez uma boa proposta: Deus morreu. Ou saiu de férias. Ou arranjou um planeta melhor e mais bem comportado que não ficasse botando palavras em sua boca sobre o que e quem eles podiam ou não comer.

    Enfim, pega a pipoca porque hoje tem POLEMICA no HBD. :V

  7. Luis Pereira says:

    Mas tu é burro pra caralho einh?
    Nem pra fazer as analogias direito tu consegue.

    Já parou pra pensar que seus peixes vivem no “Jardim do Éden” da mesma forma que os humanos viviam?
    Já parou pra pensar que eles não foram feitos a sua “imagem e semelhança” e portanto você não tem direito de ter expectativa nenhuma quanto ao que eles acreditam ou não?
    Já parou pra pensar que eles não possuem livre arbítrio e nem inteligência para fazer qualquer coisa além de viver confiando na sua intercessão constante? E que eles viveriam muito bem fora do cativeiro se nunca tivessem sido criados para a finalidade de serem animais de estimação?

    Eu sou ateu, mas esse tipo de comentário faz com que até os evangélicos pareçam pessoas ponderadas e inteligentes em comparação com esse tipinho de ateu.

    • Rorschach says:

      “Livre arbitrio” você ateu? Conta outra, todo ateu sabe que isto é uma ilusão da forma que tentam justificar um puta senso comum. O livre-arbítrio não tem qualquer poder sobre as crenças do homem.

      Tecnicamente o liberum arbitrium pode justificar assassinatos e diversos tipos de atrocidades, já que ele torna o senhor de si ou seja anula o conceito que todos são iguais, é tão ridiculo que dizem que deus sabe a decisão do tal individuo antes de ser tomada, ou seja qual a justificativa de deixar o tal matar ou estrupar uma outra pessoa, sendo que sua ação interfere diretamente na outra, não deizando a outra ter o tal do livre arbitrio também.

      Explica ai!

  8. Olá senhor Kide Nobre, curti esse seu paralelo do aquarista com deus, apesar de Mario Quintana já ter cunhado uma frase que é mais ou menos issaê.

    E sem querer ser meio chatolino, mas tu bem que podia dar um grau nesse aqua aí. Talvez você gosta do visual, mas eu particularmente trocaria o painel aí do fundo por papel branco ou preto, porque acabaria realçando as cores dos peixes. Aquela decoração poderia dar lugar a plantas artificiais (essas carpinhas iriam comer plantas naturais). Btw, carpas não são nem indicadas pra aquários, mas quem liga né, o importante é vender bichos pra pessoas despreparadas 🙂

    Não gosto de ficar cagando regra na vida dos outros, mas com relativamente pouco dinheiro e esforço você consegue tornar esse aquário muito mais natural, e na minha opinião, bonito.

  9. Adson Cardoso says:

    A culpa de estarmos aqui nessa merda é do próprio Deus (se é que ele existe): Ele jogou o diabo do céu ao invés de destruir ele, depois veio até o lugar em que o demônio havia caído e mesmo assim nos criou no mesmo lugar, e nem sequer se preocupou em evitar que o satanás chegasse até nós e ensinasse besteira pra gente. Após Ele colocou um fruto que foderia a gente se alguém ousasse comer, mesmo sabendo que comeríamos, afinal, Ele é onisciente e sabia de tudo que ia acontecer, pra completar a arvore estava em destaque; no centro do lugar todo. Aí ele dá uma de frouxo e manda o filho ao invés de vir Ele mesmo. (Grande interesse ele teve em nos salvar, não é?) Ele sábia que ia dar toda essa merda, e mesmo assim não fez nada, simplesmente opinou por deixar tudo acontecer e achar graça do trono dEle enquanto fica vendo todo mundo se fuder. Ainda por cima faz um monte de regras estúpidas que se você honrar elas a vida toda, mas desrespeitá-la um milésimo de segundo, acarreta em sofrimento eterno. Muito justo, não acha? E não venham com essa merda que inventaram e chamaram de “livre arbítrio”, pois isso não existe. Livre arbítrio seria você poder escolher um entre vários caminhos e chegar no mesmo lugar, e olha que somos todos iguais perante a Deus, mas mesmo assim, ainda tem dois lugares pra você ir, se isso não for fazer descriminação, eu não sei mais o que é descriminar.
    Vou até parar por aqui, pois como sei que pessoas religiosas morrem de medo de pensar, tem preguiça de pensar; não adianta falar nada.
    IZZY É UM DEUS MELHOR, pois sabendo que os peixe vão se ferrar com aquário sujo, ele então limpa o mesmo, enquanto Deus deixaria os peixes se virando pra tentar se livrar da sujeira.

  10. Rochester says:

    Olá Izzy!

    Bom texto, só estou estranhando sua quietude nos comentários.

    Concordo plenamente com Daniel Gonçalves do facebook (mas não tenho um perfil pra comentar por lá), mas gostaria ainda de adicionar 2 coisas:

    1) Sua visão sobre Deus e tudo mais parece muito ligada ainda a visão protestante, que sinceramente não faz muito sentido até mesmo pra mim. Procure outras visões (se for de seu interesse claro) como as orientais ou mesmo a espírita e vai ver que não é visto simplesmente um ser que tem a obrigação de nos salvar de todos os males. Cada ação tem uma reação

    2) Não acredito que o fato de você ir na igreja ou mesmo acreditar em deus, vida após a morte e tudo mais seja tão importante assim. O que importa é você fazer o bem aos outros, e isso me parece que você faz muito bem

    Abraço!

  11. Pablo.Pacato says:

    Caraca velho, muito boa sua analogia, só no titulo eu já me identifiquei, porém esse seu pensamento só apareceu devido ao seu ateismo, se fosse um teista essa analogia jamais se passaria na suas idéias.

  12. PauloBR says:

    Beleza Izzy, vamos por partes :). Primeiro, não é errado perguntar por
    que Deus permite o sofrimento. Alguns têm medo de fazer uma pergunta
    dessas porque acham que isso significa falta de fé em Deus ou falta de
    respeito por ele, mas isso é besteira. Habacuque mesmo perguntou a Jeová
    “Por que me fazes ver tanta maldade? Por que toleras a injustiça? Estou
    cercado de destruição e violência; há brigas e lutas por toda parte.
    (Habacuque 1:3) Veja que Jeová não repreendeu o homem por ter perguntado
    isso. Na verdade, fez com que as perguntas dele fossem registradas para
    que todos nós as lêssemos. Segundo, é importante saber que Deus sente
    compaixão quando você passa por uma situação difícil. Ele não é
    indiferente e misterioso; ele “ama a justiça” e detesta a maldade e
    o sofrimento que essa causa. ( Salmo 37:28; Provérbios 6:16-19 )
    Terceiro, Deus nunca é a causa da maldade. A Bíblia deixa isso muito
    claro. Aqueles que atribuem a Deus a culpa por assassinatos, tragédias
    naturais, doenças e terrorismo estão errados. Jó 34:10 diz: “Longe
    está do verdadeiro Deus agir ele iniquamente, e do Todo-poderoso agir
    injustamente!” Tiago 1:13 diz: “Quando posto à prova, ninguém diga:
    ‘Estou sendo provado por Deus.’ Pois, por coisas más, Deus não pode
    ser provado, nem prova ele a alguém.” Mas eu falei, falei e ainda não
    respondi: agora sim: Se Deus é amoroso, justo e poderoso, por que
    estamos cercados pela maldade? Primeiro, é preciso corrigir um conceito
    errado. Muitos acham que o Deus Todo-Poderoso é o governante do mundo,
    aquele que tem o controle direto sobre tudo, mas a bíblia não fala isso.
    Veja o que ela realmente diz sobre quem governa o mundo: 1 João 5:19
    “O mundo inteiro jaz no poder do iníquo.” Quem é esse cara? Jesus
    identificou-o como Satanás, o Diabo, a quem ele chamou de “o
    governante do mundo”. (João 14:30) E isso não faz sentido? Afinal,
    Satanás é cruel, engana as pessoas e está cheio de ódio Afinal por que
    Deus permite que Satanás governe? Induzindo Adão e Eva a escolher ser
    independentes de seu Criador, na verdade Satanás estava, sutilmente,
    controlando os humanos sem eles saberem. Aquela história de manipular a
    pessoa, pra ela pensar que está no controle quando na verdade não está,
    sabe? Jeová sabia muito bem que isso não ia prestar. Ainda assim,
    permitiu que os rebeldes seguissem seu rumo de independência, pois só
    assim as questões levantadas no Éden seriam resolvidas definitivamente.
    Por milhares de anos a humanidade tem construído um sistema mundial,
    tentando todos os tipos de governo e códigos de conduta para ter a paz.
    Você está contente com os resultados? Quantas guerras temos? A bíblia é
    certa quando diz que “homem domina o homem para seu próprio prejuízo”
    Eclesiastes 8:9. Assim sabemos que o ser humano não consegue se governar
    sem Jeová, assim como os peixinhos não podem viver sozinhos sem vc.
    Por que Deus não impede que as tragédias aconteçam? Simples, Izzy. isso
    seria injusto, e faria com que a questão ficasse ainda mais confusa, por
    dar a impressão de que se rebelar contra Deus não traz consequências.
    Por isso, Jeová não fica nos bastidores impedindo todos os crimes e
    tragédias que resultam, direta ou indiretamente, da desobediência a ele.
    Jeová jamais faria algo para apoiar a mentira de que o sistema de
    Satanás pode ser agradável de se viver. A humanidade sem Deus criou
    sozinha um sistema mundial em que há cada vez mais sofrimento e
    desespero. Até mesmo a Terra ta perdida. Mas note que o propósito
    original de Deus, de transformar a Terra num paraíso, nunca mudou. Nossa
    Terra, esse solo aí que vc ta, Jeová vai transformar num paraíso em
    pouco tempo. Por isso que os humanos não vão pro céu, porque “os justos
    herdarão a Terra” (Salmo37:29) E quanto a beber, é claro que a bíblia
    não proíbe! Qual foi o primeiro milagre de Jesus? Transformar água em
    vinho. E tem mais, eclesiastes 9:7 diz “Vai, come o teu alimento com
    alegria e bebe o teu vinho com um bom coração, porque o [verdadeiro]
    Deus já achou prazer nos teus trabalhos.” E só uma última questão, o
    inferno não existe. Romanos 5:12 e Eclesiastes 9:5 deixa claro que os
    mortos não tem consciência, e que o preço do pecado é a morte. Para quem
    quiser saber mais, recomendo o livro “O que a bíblia realmente ensina?”,
    que pode ser lido online ou baixado em pdf/epub/mp3/aac no site jw.org
    abç Izzy, e se tiver mais dúvidas vai comentando aí.

  13. PauloBR says:

    Beleza Izzy, vamos por partes :). Primeiro, não é errado perguntar por
    que Deus permite o sofrimento. Alguns têm medo de fazer uma pergunta
    dessas porque acham que isso significa falta de fé em Deus ou falta de
    respeito por ele, mas isso é besteira. Habacuque mesmo perguntou a Jeová
    “Por que me fazes ver tanta maldade? Por que toleras a injustiça? Estou
    cercado de destruição e violência; há brigas e lutas por toda parte.
    (Habacuque 1:3) Veja que Jeová não repreendeu o homem por ter perguntado
    isso. Na verdade, fez com que as perguntas dele fossem registradas para
    que todos nós as lêssemos. Segundo, é importante saber que Deus sente
    compaixão quando você passa por uma situação difícil. Ele não é
    indiferente e misterioso; ele “ama a justiça” e detesta a maldade e
    o sofrimento que essa causa. ( Salmo 37:28; Provérbios 6:16-19 )
    Terceiro, Deus nunca é a causa da maldade. A Bíblia deixa isso muito
    claro. Aqueles que atribuem a Deus a culpa por assassinatos, tragédias
    naturais, doenças e terrorismo estão errados. Jó 34:10 diz: “Longe
    está do verdadeiro Deus agir ele iniquamente, e do Todo-poderoso agir
    injustamente!” Tiago 1:13 diz: “Quando posto à prova, ninguém diga:
    ‘Estou sendo provado por Deus.’ Pois, por coisas más, Deus não pode
    ser provado, nem prova ele a alguém.” Mas eu falei, falei e ainda não
    respondi: agora sim: Se Deus é amoroso, justo e poderoso, por que
    estamos cercados pela maldade? Primeiro, é preciso corrigir um conceito
    errado. Muitos acham que o Deus Todo-Poderoso é o governante do mundo,
    aquele que tem o controle direto sobre tudo, mas a bíblia não fala isso.
    Veja o que ela realmente diz sobre quem governa o mundo: 1 João 5:19
    “O mundo inteiro jaz no poder do iníquo.” Quem é esse cara? Jesus
    identificou-o como Satanás, o Diabo, a quem ele chamou de “o
    governante do mundo”. (João 14:30) E isso não faz sentido? Afinal,
    Satanás é cruel, engana as pessoas e está cheio de ódio Afinal por que
    Deus permite que Satanás governe? Induzindo Adão e Eva a escolher ser
    independentes de seu Criador, na verdade Satanás estava, sutilmente,
    controlando os humanos sem eles saberem. Aquela história de manipular a
    pessoa, pra ela pensar que está no controle quando na verdade não está,
    sabe? Jeová sabia muito bem que isso não ia prestar. Ainda assim,
    permitiu que os rebeldes seguissem seu rumo de independência, pois só
    assim as questões levantadas no Éden seriam resolvidas definitivamente.
    Por milhares de anos a humanidade tem construído um sistema mundial,
    tentando todos os tipos de governo e códigos de conduta para ter a paz.
    Você está contente com os resultados? Quantas guerras temos? A bíblia é
    certa quando diz que “homem domina o homem para seu próprio prejuízo”
    Eclesiastes 8:9. Assim sabemos que o ser humano não consegue se governar
    sem Jeová, assim como os peixinhos não podem viver sozinhos sem vc.
    Por que Deus não impede que as tragédias aconteçam? Simples, Izzy. isso
    seria injusto, e faria com que a questão ficasse ainda mais confusa, por
    dar a impressão de que se rebelar contra Deus não traz consequências.
    Por isso, Jeová não fica nos bastidores impedindo todos os crimes e
    tragédias que resultam, direta ou indiretamente, da desobediência a ele.
    Jeová jamais faria algo para apoiar a mentira de que o sistema de
    Satanás pode ser agradável de se viver. A humanidade sem Deus criou
    sozinha um sistema mundial em que há cada vez mais sofrimento e
    desespero. Até mesmo a Terra ta perdida. Mas note que o propósito
    original de Deus, de transformar a Terra num paraíso, nunca mudou. Nossa
    Terra, esse solo aí que vc ta, Jeová vai transformar num paraíso em
    pouco tempo. Por isso que os humanos não vão pro céu, porque “os justos
    herdarão a Terra” (Salmo37:29) E quanto a beber, é claro que a bíblia
    não proíbe! Qual foi o primeiro milagre de Jesus? Transformar água em
    vinho. E tem mais, eclesiastes 9:7 diz “Vai, come o teu alimento com
    alegria e bebe o teu vinho com um bom coração, porque o [verdadeiro]
    Deus já achou prazer nos teus trabalhos.” Outra coisa, não vai na
    conversa da doutrina espírita não, Galatas 5:19,20, Apocalipse 21:8 e
    Levítico 19:31 condenam totalmente isso (bíblia TNM). E só uma última
    questão, o inferno não existe. Romanos 5:12 e Eclesiastes 9:5 deixa
    claro que os mortos não tem consciência, e que o preço do pecado é a
    morte. Para quem quiser saber mais, recomendo o livro “O que a bíblia
    realmente ensina?”, que pode ser lido online ou baixado em
    pdf/epub/mp3/aac no site jw.org abç Izzy, e se tiver mais dúvidas vai
    comentando aí.

  14. HugoSaraiva says:

    Sr. Israel. Achei sua postura muito próxima da de Deus. Vejamos: você toma meia dúzia de atitudes para garantir que seja possível que seus “filhos” sobrevivam e se orgulha por não interferir na vida deles. Você não se preocupa com suas aflições e não os protege de doenças ou ataques de outros peixes, mas ainda assim se considera um deus justo e se gaba de ser o único motivo de eles existirem. A cereja no bolo é acusar outro ser de ser maligno o suficiente para querer a morte delea. Para falar a verdade, você é exatamente igual ao Deus que critica.

  15. PauloBR says:

    Izzy, não é errado perguntar por que Deus permite o sofrimento. Alguns
    têm medo de fazer uma pergunta dessas porque acham que isso significa
    falta de fé ou falta de respeito, mas isso é besteira. Habacuque mesmo
    perguntou isso a Jeová Habacuque 1:3) Veja que Jeová não repreendeu o
    homem por ter perguntado isso. Na verdade, fez com que as perguntas dele
    fossem registradas para que todos nós as lêssemos. E quanto a essas
    questões, queria que você lesse os seguintes artigos usando sua lógica e
    uma bíblia:

    Por que Deus permite o sofrimento, mesmo podendo acabar com ele a qualquer momento?
    http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/102006402

    Será que o inferno existe? É isso o que a bíblia realmente diz?
    http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/1101995250

    Todas as pessoas boas vão pro céu, será isso um conceito realmente bíblico?
    http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/2011405

    E por último, não procure essas filosofias espíritas, isso é pura
    bobagem, Izzy.
    O espiritismo não se harmoniza nem um pouquinho com a bíblia, como
    podemos ver em Gálatas 5:19,20 Apocalipse 21:8 e muitos outros textos.

    E por último uma dica de amigo, cara. Leia o livro “o que a bíblia
    realmente ensina?” que está disponível para download. Com a sua lógica,
    sua faculdade de raciocínio você vai ver que é possível acreditar na
    bíblia inteira, de Gênesis a Revelação. Procure ler, verdade mesmo. Você
    vai gostar. Abç.

  16. PauloBR says:

    Izzy, não é errado perguntar por que Deus permite o sofrimento. Alguns
    têm medo de fazer uma pergunta dessas porque acham que isso significa
    falta de fé ou falta de respeito, mas isso é besteira. Habacuque mesmo
    perguntou isso a Jeová Habacuque 1:3) Veja que Jeová não repreendeu o
    homem por ter perguntado isso. Na verdade, fez com que as perguntas dele
    fossem registradas para que todos nós as lêssemos. E quanto a essas
    questões, queria que você lesse os seguintes artigos usando sua lógica e
    uma bíblia:

    Por que Deus permite o sofrimento, mesmo podendo acabar com ele a qualquer momento?
    http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/102006402

    Será que o inferno existe? É isso o que a bíblia realmente diz?
    http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/1101995250

  17. Marcelo Omini says:

    Tu queria ver o circo pegar fogo nos comentários, né?

    Quide, você só pode estar de sacanagem.

  18. Vinicius says:

    Izzy, não quero ser um daqueles ecologistas chatos (mas já sendo) nem nada disso, só estou tentando ajudar à você e aos peixes. Tenho animais (aves, peixes, cachorros, tudo oq vc imaginar) como hobby desde criança. Por isso eu sugiro que você leia alguns artigos sobre o aquarismo pra poder tratar seus peixes melhor. Um erro que percebi (ou pelo menos você não descreveu esse passo) é não tirar o cloro da água. Esse cloro é muito prejudicial pra peixes e, simplesmente aplicando gotas de um anti-cloro (AquaSafe, por exemplo) vai poupar os peixes do cloro. Também tem o problema do tamanho dos peixes e o tamanho do aquário, se tem aquecedor ou não (afinal, estamos falando do canadá), troca de água ao invés de só por água nova, etc. Se não quiser ter todo esse trabalho, muitos petshops aceitam peixes por doação. Você estaria se livrando dessa obrigação e o petshop ganhando produto. Mas daí vem a variável “e se o próximo dono não cuidar”, etc. É isso, não me leve a mal, só quero ajudar mesmo. Segue alguns artigos bons para leitura:

    Montando um aquário com responsabilidade (pt):
    http://www.aquaflux.com.br/conteudo/artigos/montando-seu-aquario-com-responsabilidade--1342132690.php

    Como montar um aquário de agua doce (en):
    http://m.wikihow.com/Set-up-a-Freshwater-Aquarium

    Erros comuns com aquários (en):
    http://freshaquarium.about.com/od/aquariumstartup/a/newtankmistakes.htm

  19. Tobias says:

    Acho que Deus é mais parecido com sua esposa do que com você Izzy.

  20. Rafael Nascimento says:

    Acho que tá na hora de alguém arrumar um filho…

  21. Eder says:

    Kid,
    vai umas dicas que vão melhorar seus dias:
    -- 1º: espere até o verão Canadense.
    -- 2º: vá até um rio que vc saiba que não é poluído.
    -- 3º: tire os peixinhos do aquário e lance-os no rio. Não se preocupe. Eles viverão! (até quando não sabemos, só depende deles mesmos e dos peixes maiores)
    -- 4º: faça o sagrado sexo anual de verão e engravide a tua esposa, de preferência de gêmeos.
    -- 5º: cuide dos seus filhos diuturnamente e nunca mais vai se lembrar dos peixinhos. Isso te garanto!!!!
    -- quando os muleques começarem a entender a vida, lá pelos 03 anos, comece denovo a história do aquário, ou do cachorro, ou do gato, etc… São bons companheiros dos muleques e fazem eles entender muitas coisas, como comer, lugar certo para esta/aquela atividade, danadas, castigos, retribuições, recompensas, etc. Ensinam até a criançada a como se posicionar diante da perda de um ente querido, quando o bichinho for desta pra melhor. Isso provavelmente ocorrerá depois deles terem completado uns 12 anos de idade (estatisticamente falando).
    Abraço!

  22. Nino says:

    Com peixes fica um pouco fácil, mas e seus peixes se reproduzissem e nascesse um que matasse os outros, o que você faria com ele? rs

    Não que ache que você deva acreditar em Deus, mas tomar decisões sobre a vida de peixinhos é um pouco mais simples que de humanos…