Hbdia
  • Feed do Hbdia
  • Twitter
  • Youtube

Postado em 12 February 2004 Escrito por Izzy Nobre 5 Comentários

Meu carrim, mané
Chevy Venture. Cool, huh?


A polícia canadense é eficiente pra caralho.

Estávamos eu e meu pai chegando em Oshawa, saindo da Freeway 401 (ou, como dizemos, friuêi fó-ou-uan)…

(sempre que tou nessa rodovia, me lembro da cena de pega-pega de carros em Matrix Reloaded. É idêntica, porém com menos albinos atirando armas automáticas. Também não é muito comum ver negões brigando com espadas japonesas em cima de caminhões. Mas, tirando isso, é igualzinha.)

…e meu pai desceu a offramp (ófe-rêmpe) muito depressa. Um guardinha rodoviário notou a rápida aproximação do nosso Chevrolet Venture e o interceptou agilmente com seu carrinho de polícia cujo modelo desconheço. Não gosto de carros. Não sou daqueles caras que podem ver um carro descer uma ladeira a 200 por hora e ainda identificarem o ano de fabricação só por terem visto um detalhe no painel. Se tirarem meus óculos, eu não conseguiria diferenciar o carro do meu pai de uma kombi. A menos que eu estivesse usando lentes. Mas eu tenho medo de usar lentes porque um professor da quinta série teve uma certa alergia e quase perdeu os olhos.

Enfim, não gosto de carros.

O mister officer desce de seu carrinho desconhecido e caminha em direção ao nosso. Meu pai já começa a preparar todo o enrolation. Não seria difícil ludibriar o camarada, já que a puliça constuma ser leniente com imigrantes. Porra, não temos a obrigação de saber as leis de trânsito daqui, seus viados.

O tira bate no vidro do carro.

– Hello sir. are you aware that you were doing over 80 on the freeway exit?

Meu pai começou a desdobrar um inglês tosco para deixar claro que ele era imigrante e não estava entendendo muito bem. Não foi tão difícil. O inglês do meu pai não é lá essas coisas.

– Ok. Did you drink, sir?

– Ahn… no.

– Ok then! You can go. Sorry for the trouble.

E foi-se embora em seu carro desconhecido.

Porra! Fenomenal! É na base da confiança então?

– Aí malandro, tu bebeu?

– [Hic cup] (chuta a latinha pro lado) Eu não, chefia! [hic cup] Tô bonzinho, olhaí! [faz um joinha]

– Ok cupadi. Te manda!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

Categorias: Geral

About Izzy Nobre

Oi! Eu sou o autor desta pocilga. Tenho 30 anos, também sou conhecido como "Kid", moro no Canadá há 10 anos, e sou casado com uma gringa. Geralmente perco meu tempo na internet atualizando este blog, batendo papo no twitter, produzindo vídeos para o youtube, e conversando sobre videogames antigos no podcast 99 Vidas. Se você gostou deste texto, venha me dizer um alô! Adoro conversar com os leitores :)

5 Comentários \o/

  1. ruskiii says:

    Kidê, se eu comentá aqui, vc lê e por um acaso responde?

  2. phpones says:

    Estava pensando a mesma coisa. Até comentei em 2 posts aí pra trás.

  3. camilo says:

    camé qui eh ? eh soh diser que não sabia e que não bebeu ?

  4. Augusto Tenório says:

    O final do texto eh o melhor