Hbdia
  • Feed do Hbdia
  • Twitter
  • Youtube

Postado em 22 February 2004 Escrito por Izzy Nobre 2 Comentários

Da série “Grandes Clássicos do HBD

[ Maneira de evitar prejuízos durante um roubo ou como NÃO sobreviver a um assalto ]

Encare. Olhe firmemente para o rosto do assaltante. Deixe bem claro que sua intenção é memorizar cada detalhe de sua fisionomia, para depois relatar tudinho ao fazedor-de-retratos-falados na delegacia. Ah, esse safado vai pagar.

Barganhe. Ele quer levar seu celular? Ofereça o relógio, que vale metade do preço do seu Nokia, e dura bem menos. Já tá até com a bateria gasta. Ele pediu sua carteira? Entregue seu tênis, que vale muito menos que a chateação de tirar segunda via dos seus documentos. E você acaba de se lembrar que ainda tem o telefone daquela gata, a Josefina, que você anotou num guardanapo e enfiou no meio das cédulas de um real. E ela é das que trepam no primeiro encontro. A carteira, não.

Ameace. “Você sabe com quem está falando” é uma expressão versátil; serve tanto para o guardinha que tenta te multar, quanto para o seu antagonista – o assaltante que mantém uma arma apontada pra você. “Seu filho da puta, Você ainda vai rodar na minha mão” é igualmente – ou até mais – eficiente.

Dê uma de louco. Fale palavras sem sentido, cante, assobie, tente abraçar o assaltante, dê um beijo na boca dele, sei lá. O importante é fazer com que o meliante acredite piamente que você não vai bem da bola. Se for preciso dar aquele beijo na boca dele, não exite hesite. Dê. O telefone da Josefina vale o sacrifício. Lembre-se, ela trepa no primeiro encontro!

Se tudo o mais não funcionar, REAJA. Tente agarrar o revólver dele. Dê um tapa na faca do elemento. Cuspa na cara dele e diga que o Timão é uma bosta. Ou o Flamengo. Ou o Botafogo. Sei lá, vá xingando os times até que você acerte o que ele torce. E não esqueça de pisar fundo no acelerador. O que vale é dar motivos de sobra para o cara estourar duas “azeitonas” na sua testa.

Mas não deixe ele levar o telefone da Josefina.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

Categorias: Geral

About Izzy Nobre

Oi! Eu sou o autor desta pocilga. Tenho 30 anos, também sou conhecido como "Kid", moro no Canadá há 10 anos, e sou casado com uma gringa. Geralmente perco meu tempo na internet atualizando este blog, batendo papo no twitter, produzindo vídeos para o youtube, e conversando sobre videogames antigos no podcast 99 Vidas. Se você gostou deste texto, venha me dizer um alô! Adoro conversar com os leitores :)

2 Comentários \o/

  1. camilo says:

    bom …. sair correndo funcionaou comigo algumas vezes …

  2. Cara, nunca reaja a um assalto. NUNCA! Sua dignidade e integridade física valem muito mais que um tênis, relógio ou celular.
    Curioso como o Izzy era diferente nesse tempo.