Hbdia
  • Feed do Hbdia
  • Twitter
  • Youtube

Postado em 22 July 2005 Escrito por Izzy Nobre 0 Comentários

Assim como muitos de vocês, uso a internet há quase uma década. A rede de computadores parecia infantilmente inocente no começo: salas de IRC com gente bem humorada, as primeiras animações em flash com personagens extremamente mal desenhados, contas no Zipmail com vários .pps com imagens de gatinhos e anjinhos…

Até que um dia o sol se pôs, e começamos a ver que havia algo sombrio nesse nosso playground digital. Vídeos de violência extrema, pornografia nauseante, animações em flash com sustos que fazem você praticamente cospir o coração; essas são apenas algumas das coisas que já presenciei graças à via digital.

Já vi fotografias de um infeliz que foi esmagado por um bloco de granito que pesava algumas toneladas. Já vi um vídeo de um soldado segurando outro no chão com uma bota na cara, e em seguida esfaqueando seu prisioneiro com uma facada na garganta. Já vi – embora guarde ressalvas a respeito da veracidade – um vídeo onde uma garota escova os dentes com merda fresquinha, recém-cagada. E com certeza vocês viram ou conhecem alguém que viram os mesmos vídeos.

E você meio que se acostuma com a bizarrice. Não, “se acostuma” faz parecer que você aprova o negócio. Digamos que a exposição a essas paradas tira um pouco a sensibilidade. E, por causa disso, sempre achava que nada mais me chocaria.


Aí a irmã da namorada me manda o link do Rubber Johnny.

O negócio é, na falta de um adjetivo melhor que descreva exatamente o que diabos acontece nas imagens, PERTURBADOR. O vídeo – que abusa dos efeitos sonoros pra tirar a paz do espectador – mostra um homem (?) extremamente deformado e cujas capacidades mentais são questionáveis na melhor das hipóteses. Ao meu ver é um filme conceitual, daqueles que os intelectuais assistem e concluem um monte de babaquice que o autor da película sequer imaginou ao desenvolver o filme.

Na minha opinião, é simples e puramente bizarro.

Pesquisei um pouco sobre o vídeo, mas tava com preguiça de ler tudo então posso dizer apenas que se trata de um curta-metragem feito por um estudante de cinema. Ou algo assim, sei lá.

Assistam no escuro com fones de ouvido.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

Categorias: Geral

About Izzy Nobre

Oi! Eu sou o autor desta pocilga. Tenho 30 anos, também sou conhecido como "Kid", moro no Canadá há 10 anos, e sou casado com uma gringa. Geralmente perco meu tempo na internet atualizando este blog, batendo papo no twitter, produzindo vídeos para o youtube, e conversando sobre videogames antigos no podcast 99 Vidas. Se você gostou deste texto, venha me dizer um alô! Adoro conversar com os leitores :)