Hbdia
  • Feed do Hbdia
  • Twitter
  • Youtube

[ Pergunta do Dia ] Qual pílula você escolheria?

Postado em 11 February 2014 Escrito por Izzy Nobre 27 Comentários

morpheus

Comecei a tocar guitarra lá pelos idos de 2000 ou 2001, não lembro agora exatamente. Eu tinha me mudado para um bairro novo em São Luis (cidade onde morei por 3 anos) que ficava perto de uma ponte cujo nome esqueci. Sempre penso que era a Ponte Bandeira Tribuzi, assim nomeada em honra de um grande herói cívico maranhense, o João Ponte.

Provavelmente era outra ponte. Enfim.

Minha mãe tocava guitarra na igreja, e tinha uns livrinhos home-made com cifras de músicas cristãos. Essa história se passa antes dos tempos de conexão constante com a internet — naquela época, usar a internet se limitava aos fins de semana/madrugadas, graças ao pulso único. Eu era um ser mais produtivo nessa época –, então esses livrinhos da minha mãe eram a única instrução musical a que eu tinha alcance no momento.

Fiquei bem bom naquelas musiquinhas evangélicas, mas desejava algo a mais. Algum tempo depois descobri o GuitarPro, e fiquei moderadamente bom na guitarra.

Aí veio a internet, roubou completamente minha atenção (o restinho que sobra é dividido entre videogame, quadrinho, trabalho, estudo e esposa), e por isso hoje minhas guitarras estão literalmente empoeirando aqui no meu escritório.

E fiquei eternamente como um guitarrista semi-frustrado, desejando ter mais de disciplina, nutrindo sonhos fantasiosos de proficiência guitarrística. Quem sabe com um pouco mais de foco hoje eu não teria sido uma emulação cearense do Jimi Hendrix…?

Por isso, quando vi a seguinte pergunta no Reddit, fiquei extremamente conflitado:

Imagine que alguém te oferece uma pílula vermelha e uma azul. Se você tomar a vermelha, você se torna automaticamente fluente em todas as línguas do mundo.

E não apenas na gramática, sintaxe e vocabulário: você fica também culturalmente fluente, perfeitamente versado nas nuances sociais daquela língua, sendo capaz de fazer piadas culturais, trocadilhos, tudo. Sabe o domínio que você tem do português? Sabe como alguém como o Luís Fernando Veríssimo faz você parecer um troglodita mongolóide, tamanha é a discrepância entre a sua habilidades com o português e a dele? Então. Você ficaria tipo o Veríssimo, multiplicado por mil, com todas as línguas.

Se você tomar a pílula azul, você se torna instantaneamente proficiente em todos os instrumentos musicais, sendo capaz de reproduzir peças complicadíssimas com a mesma facilidade que alguém inclina pro lado no sofá pra reduzir a pressão nas nádegas e assim peidar de forma mais aerodinâmica. Perto de você, o Jimi Hendrix pareceria uma foca bêbada tentando tocar violão através do método de morde-lo. Do piano ao acordeão, passando pela flauta doce das aulinhas da quarta série e até mesmo gaita de fole, você seria a maior autoridade musical do mundo.

Então. Qual pílula você escolheria? Quero ler um bom argumento.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

Categorias: pergunta do dia

About Izzy Nobre

Oi! Eu sou o autor desta pocilga. Tenho 30 anos, também sou conhecido como "Kid", moro no Canadá há 10 anos, e sou casado com uma gringa. Geralmente perco meu tempo na internet atualizando este blog, batendo papo no twitter, produzindo vídeos para o youtube, e conversando sobre videogames antigos no podcast 99 Vidas. Se você gostou deste texto, venha me dizer um alô! Adoro conversar com os leitores :)

27 Comentários \o/

  1. Cassiano Montanari says:

    Azul

  2. Felipe Prado says:

    Sem sombra de dúvidas a vermelha.
    Adoro toda a cultura que envolve a evolução de uma língua e a história por trás disso.
    Falo, além do português, espanhol fluentemente, inglês muito bem e estou aprendendo alemão e italiano, tudo isso simplesmente porque gosto, minha profissão não exige nada além do inglês, assim que quando li a pergunta não tive dúvidas em quanto à resposta.
    Acredito que esse domínio cultural das línguas também me ajudaria a compreender as outras pessoas do mundo, me deixando saber que somos sim diferentes, mas não tão diferentes assim, entenderia que somos seres humanos com as mesmas necessidades e desejos, pessoas iguais no fim das contas e eliminando dessa forma qualquer resquício de preconceito que possa existir na minha criação.

  3. Rochester says:

    Eu pessoalmente tomaria a azul por 3 motivos:
    1 -- Dinheiro: Tocar diversos instrumentos em diferentes áreas é muito, muito difícil, mas a recompensa pra um cara que toca em uma orquestra, por exemplo (solista) é uma boa graninha (nas centenas de milhares / ano). Já um escritor, tradutor, blogueiro (por mais talentoso que seja) tem muito mais dificuldades de se vender a um preço justo (experiência própria!)

    2 -- Satisfação: Eu pessoalmente não sou o tipo do cara que conversa muito. Já tocar instrumentos (mesmo tocando mal como eu) é algo mágico, você não precisa de ninguém te vendo pra isso levar todos os problemas embora

    3 -- Custo / Benefício: Depois de treinar um instrumento por anos chega um ponto que parece que não importa o que você faça você não melhora. Já no caso de outros idiomas eu aprendi o ingles sozinho, e sei me virar com outros (espanhol, italiano, alemão, francês). Depois de aprender a segunda língua parece que qualquer outra é bem mais fácil, já em instrumentos, quanto mais você sabe mais você se atrapalha -- pede pra um trombonista tocar um trompete (que é basicamente o mesmo instrumento com um bocal menor) pra você ver a bagunça que é.

  4. c3wdjlxucp7 says:

    Tem o link da pergunta?

  5. Lucky says:

    Chuto a cabeça do Morpheus

    Roubo as duas

    ???

    Profit

  6. Caio Magalhães Bechtlufft says:

    A azul, sem nem pensar muito.
    Sou aficcionado por música, toquei bateria por um tempo por pura diversão e seria mais do que realizar um sonho da adolescência. Ter essa habilidade só seria comparável a ter a habilidade de jogar futebol mais que o Pelé!

  7. Felipe says:

    Vermelha, acho eu a melhor a opção, pôs, vc nunca estaria de fora dos Assuntos do dia-dia, sempre sabe com se sair de um assunto por cima e pode viver em diversos locais do mundo sem nenhum problema!

  8. Alessandro Willian says:

    Pedia até outra vermelha para garantir. Apesar de ser legal guitarra e os outros instrumentos musicais, mas conhecer as culturas mundiais e ter essa noção a fundo, é algo extraordinário, muito mais que saber tocar todos os instrumentos.

  9. A vermelha, apesar de querer ter um domínio master em instrumentos musicais sem nunca ter praticado uma vez se quer, pois o mundo, a história, e principalmente a linguagem e seus devidos alfabetos são puta intrigantes. No que as múltiplas línguas podem me proporcionar MUAHAHAHAHA ~meio megalomaníaco agora.

  10. Jorge Carlos says:

    Azul. Ignorância é uma benção!

  11. Pablo.Pacato says:

    A vermelha porque eu teria a capacidade de me comunicar com qualquer pessoa, isso aumentaria meu network e também o meu leque de oportunidades dinheiristicas, poderia ler obras não publicadas na minha lingua mãe, e publicar as minhas proprias em viatnamita por exemplo.

  12. tonnydourado says:

    Por mais que eu goste de escrever (e de falar) e goste de idiomas em geral, não chega nem perto do tesão que tenho por fazer música. Uma das minhas maiores frustrações no momento é justamente não ser bom o bastante com instrumentos e teoria musical pra materializar as idéias que eu tenho. Então, pílula azul.

  13. Leo Leghi says:

    Eu pensaria muito, olharia algum tempo para as duas, mas seria a vermelha.
    Eu amo instrumentos, mas não sei tocar nada, por isso sou frustrado, rsrs. Sou alguém que ficaria 50 anos numa ilha deserta com um violão e mesmo assim não aprenderia, já tentei muito. Na verdade eu devo ser bem burro também, sei lá, rsrs.
    Bom, mas tenho qualidades, pelo menos com idiomas, já falo 5 e quando for velho quero estar falando 10, por isso escolheria a pílula vermelha, dominar um outro idioma é fantástico. Quando falo com uma outra pessoa em outro idioma, ao mesmo tempo eu penso “caramba, o quê eu sou? Isso é muito foda”, kkkk.
    Abraço Izzy.

  14. Ercy says:

    Ritalina

    Já começou a tomar, Israel? Você não tem TDAH?

  15. cesar says:

    eu ia escolher as duas pilulas

  16. Gustavo C. says:

    A pílula dos idiomas. Ela me faria entender e me comunicar com o mundo inteiro, na fala, na escrita, tudo, quantas facilidades, oportunidades, diversão, trabalho, enfim.. Mas pra curtir música, não preciso ser foda em nenhum instrumento, ouvir já me dá muito prazer.

  17. Fábio says:

    A azul. Falar fodamente todos os idiomas do mundo não daria a mesma grana, fama, reconhecimento, etc do que tocar fodamente todos os instrumentos do mundo. Sem falar que aprender um idioma novo é muito mais fácil do que tocar um instrumento musical.
    Ah, e com a azul eu poderia não saber muitas línguas, mas conheceria muitas línguas _femininas_.

  18. Crisforton says:

    Simplesmente pega uma e engole, a outra enfia no seu cu!

  19. Lui says:

    A vermelha. Como alguém aí em cima já disse, falar russo fluentemente seria muito, muito foda.

    Saindo um pouco do assunto, mas ainda falando de russos, olha só esse vídeo Izzy, já se tornou viral, tem quase 20 milhões de visualizações em 4 dias, vários sites já noticiaram, enfim, tenho certeza que você vai gostar: rel="nofollow">

  20. Vinícius Martarello says:

    Azul, pois sou apaixonado por música. Toco guitarra e quando vejo pessoas tocando violão erudito fico impressionado, um dia ainda chego lá, por enquanto ainda to tentando improvisar nas pentas gregas :p

  21. Moonlight ^-^ says:

    olha, eu adoro música, toco um pouco de guitarra tbm, seria muito foda poder tocar todos os instrumentos com a máxima perfeição, mas imagina ser fluente em todas as linguas,Japonês, Russo, Alemão *-* então eu fico com a pílula vermelha

  22. Tad says:

    Enquete sobre pílula azul e nenhuma piada sobre viagra…

  23. Felipe Araujo says:

    Eu tomaria a vermelha, porque com toda essa capacidade ~falatória~, imagine o grau de persuasão que eu poderia ter! Eu me tornaria o Rei do mundo! 😀
    Se bem que, se eu fosse um Hendrix^1000000 em todos os instrumentos do mundo, também seria fácil me tornar o Rei do mundo. No entanto, apesar de amar música, eu realmente ficaria com a pílula vermelha.