Hbdia
  • Feed do Hbdia
  • Twitter
  • Youtube

Pânico na TV, que já passou da validade há alguns anos, escrotiza a Comic Con Experience

Postado em 7 December 2015 Escrito por Izzy Nobre 29 Comentários

que bosta

Vou confessar um negócio aqui procês: eu tenho uma certa saudade da TV aberta brasileira.

Nunca fui desses que adere a essa malhação de judas que é a constante rejeição do conteúdo da nossa TV aberta. Faustão, Gugu, Xuxa e outros personagens do nosso folclore televisivo me lembram minha vida pré-Canadá, uma vida cada vez mais distante e desbotada. Como esses caras ainda tão em atividade, vê-los hoje recaptura um pouco a “experiência” de viver no Brasil. Parece maluquice mas sempre que estou aí, assisto TV aberta. Penso que outros imigrantes talvez façam o mesmo, e me entenderão.

Aí hoje eu fui obrigado a concordar que o nível da TV brasileira, a julgar pelo que rolou essa semana no Pânico, tá mesmo uma bosta.

Sabe o Pânico na TV? Eu sei pouquíssimo sobre o programa, já que estreou quando eu estava em vias de me mudar pro Canadá, mas até eu sei que parte do brand dos caras é aparecer em eventos e encher o saco de todo mundo por várias horas, na esperança de que rendam uns 10 minutos de filmagem que categorizem algo que possa ser utilizado num programa de “humor”

É uma esperança pífia.

Assisti esta bosta pela primeira vez em 2009, em minha primeira visita à Pátria Amada desde que me mudei pra cá. No caso, vi aquele segmento zoando a Amy Winehouse. Não achei muita graça.

Essa semana rolou em São Paulo a Comic Con Experience, a versão tupiniquim do mais ilustre evento de nerd/cultura pop no mundo. O Pânico na TV compareceu lá, pra fazer o que aparentemente é o MO deles — zoar os participantes.

Eis o vídeo:

Aos 2:40, vemos o que a cosplayer brasileira Myo Tsubasa já tinha denunciado no seu perfil do Facebook: um momento tosquíssimo de assédio que por algum motivo os “repórteres”, a produção, e a emissora em geral achou que tava perfeitamente de boa pra colocar em rede nacional.

Mas não pulemos direto ao momento que rendeu esse vídeo — vamos desgustar por completo a bosta que é esse vídeo, porque tem vários outros momentos memoráveis. Farei isso na esperança que no fim desse post você odeie esses caras tanto quanto eu.

Aos 1:30, o rapaz dá crédito ao Frank Miller por criar o Batman e o Wolverine (?); aos 2:11, ao entrevistar aparentes mãe e filha, o sujeito comenta que “com uma mãe dessa eu mamava até os 30”, que todos podemos concordar não é algo bacana pra falar sobre a mãe de alguém, ainda mais na presença da própria.

Na minha terra isso aí é passível de peixeirada no olho do estômago. Achando que talvez não foi escroto o bastante, o cara adiciona que a presença das duas na Comic Con Experience significa que “a pia de louça tá cheia lá em casa”.

Aos supracitados 2:40, o tal “Selfie Boy” passa o dedo na garota — que, de acordo me consta, é menor de idade ainda por cima — e, não satisfeito, LAMBE o braço dela. Em rede nacional.

Imagina você sendo humilhado assim em público, e a protagonista da parada FILMAR o negócio e passar numa emissora com alcance em todo o país.

A cosplayer, visivelmente constrangida, protesta e sai da entrevista. O assediador, escrotissimamente, zoa a reclamação da menina, ficando então com a “última palavra”. Não me surpreende que coloca “Pânico na TV” em seu currículo seja incapaz de auto-crítica, mas ainda é meio chocante de ver acontecendo.

Pare e pense que em algum momento um editor, diretor, produtor, toda uma equipe que compõe a produção do programa viram esse segmento e acharam que tava de boa pra passar em rede nacional. Isso deixa evidente que o joselitismo não é uma anomalia, é uma característica compartilhada por diversas personalidades do programa.

Aos 2:53, ao entrevistar uma garota asiática, os dois então recorrem ao rebuscado humor de zoar o sotaque estereotípico de um chinês. HAHAHA!

Por volta dos 4:50, os caras mandam um correspondente para o aeroporto, pra registrar a chegada do Jorge Garcia. Fãs de Lost e pessoas que abriram a wikipédia rapidinho durante a autoria desse post o reconhecerão como “o gordinho lá da ilha maldita do JJ Abrams aliás que merda eram aqueles monstros de fumaça?”. Aqui, a grande piada era repetir em inglês macarrônico e sintaxe de perna quebrada “YOU’RE LOST NO MORE!!!!”. Como o seriado acabou tem apenas meia década, a piada ainda está bastante atual.

Não, chega. Não aguento mais essa porra. Me sinto menos inteligente só por ter visto essa bosta e olha que eu já não tinha com um QI muito alto pra começar.

Não há nenhuma piada nessa merda, nenhuma sacada bem bolada, porra nenhuma. O vídeo me lembra aquelas ocasiões na escola em que um bully tenta tirar onda com alguém, e fala algo sem a menor graça mas que mesmo assim é recebida com as risadinhas das hienas decerebradas que orbitam em seu redor.

Myo, se você estiver lendo isso aqui: processe esses malucos. Por favor.

Ah, e meus sinceros parabéns pro Felipe Castanhari pela PATADA MERECIDA que meteu naquela turma aos 11 minutos. O Felipe já tem costume de mandar bem mesmo, mas NESSA ele foi foda. Foi a única coisa no vídeo inteiro que valeu a pena ver.

[ UPDATE ] O pessoal do Omelete mandou bem e baniu o Pânico de futuros eventos. Eu receio, no entanto, que esse tipo de gente sem noção ou auto-crítica é imune a tais medidas. Talvez fosse mais eficiente encrencar com a emissora como um todo, e não apenas com o programa. O diretor/produtores dessa parada já deixaram evidente que não estão nem aí pra nada, já a direção da emissora vendo-se boicotada por um evento de forma mais massiva seja meio difícil de passar pra baixo do tapete. Afinal, essa porra aí já acontece com consentimento dos produtores (talvez o único consentimento que importe pro programa, pelo jeito).

Imagina uma criança aprontando as maiores merdas no prédio sob supervisão do irmão mais velho que permite a palhaçada. Ir reclamar com o irmão mais velho não rende nada. Cê tem que mandar uma bronca nos pais.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

Categorias: rage

About Izzy Nobre

Oi! Eu sou o autor desta pocilga. Tenho 32 anos, também sou conhecido como "Kid", e moro no Canadá há 13 anos. Geralmente perco meu tempo na internet atualizando este blog, batendo papo no twitter, produzindo vídeos para o youtube, e conversando sobre videogames antigos no podcast 99 Vidas, e sobre notícias bizarras n'O MELHOR PODCAST DO BRASIL. Se você gostou deste texto, venha me dizer um alô! Adoro conversar com os leitores :)

29 Comentários \o/

  1. Leandro says:

    Izzy,cê sabe que o Castanhari tem um quadro no Pânico com esse mesmo Lucas Selfie, né? hahaha

  2. Rapha says:

    No trabalho, qual a pegada do castanhari? o q ele falou?

    • Well says:

      Lucas: Mas como vc consegue andar nessa feira sem ninguem te parar pra tirar foto?

      Castanhari: Coloca uma mascarazinha dá pra dar um rolê mas não é tão assim

      Panicat: Mas vc foi ali foi tranquilo não tinha ninguém

      Castanha: Eu não tenho esse ego de querer ser famoso igual a vc

      foi isso.

  3. Fernando says:

    Mesmo assim, não se pode dar muito crédito pro Castanhari, que não muitos meses atrás desceu pro mesmo nível do pânico, pintando a cara de preto querendo simular um negro. Algo que o próprio pânico fez em uns de seus quadros, quando o Eduardo Sterblitch zomba das religiões africanas.

  4. Cris says:

    Nojo total. Vergonha total. Vivo me perguntando por que que esse bando de babacas do Pânico não vai arranjar alguma coisa pra fazer ao invés de tentar se passar por algo que preste e falhar miseravelmente em rede nacional. Se alfabetizar, lavar cueca, esfregar privada, passar pano no chão, praticar um esporte, ler um livro, dar o cu, chupar uma manga, descascar uma batata, assoviar tico tico no fubá. Fazer qualquer uma dessas coisas ao invés enojar e envergonhar as pessoas que ainda tem um mínimo de bom senso e educação fará desses imbecis seres humanos melhores.

  5. fernando says:

    quando o palhaço IT fala que tem que ler mesmo e parar de ver o panico foi foda

  6. Geraldinho Troca Tapas says:

    Vou correndo assinar o canal do Castanhari depois dessa e prometo assistir TODOS os videos dele, desde o primeiro. #testosterona #culhões

  7. Lucas Costa says:

    Me surpreende o abismo entre o pânico que passa na tv pro qual eu ouvia na rádio toda tarde, voltando da escola, que me marcou tanto.

  8. Makistony says:

    Velho na boa, Nem vou dar play. To cansado dessas coisas.
    Ótimo texto Izzy

  9. Chell says:

    Tive que comentar, muito bom!

  10. Nicolas says:

    Não estou entendendo pra que tanto mimimi, o Pânico sempre foi assim, sempre fez merda em tudo quanto é evento, agora eles vem zoar com um evento “nerd” e não pode ? Porra que mimimi hein.

    • Emerson says:

      1° Ninguém falou ou deixou a entender que eles podem fazer isso com os outros, muito pelo contrário;

      2° Você está no blog de um nerd com um púbico-alvo nerd, então é normal ver uma postagem dessas;

      3° Você está ignorando completamente o fato de que o cara assediou sexualmente uma garota que ainda é menor de idade.

      E nem vem querer relativizar como uns e outros que eu vi por aí, falando que só foi assédio, mas não assédio sexual. Se você é homem sabe muito bem que não tem como um homem lamber uma mulher do nada sem ser no contexto sexual.

      • Bier says:

        Concordo contigo, Emerson!
        Será que, se esses caras do Pânico forem a uma convenção de arte, vão lamber as pinturas?
        Estragaram o trabalho da moça. Denegriram a moral à lambidas.

  11. Bier says:

    O depoimento da moça que foi humilhada se espalhou no meio cosplayer. 99% dos seguidores estão apoiando ela. Agora achei o teu texto, Izzy. Em nenhum momento eu achei que você ou ela estivessem exagerando, pois eu já sabia que o Pânico era a tosqueira sem limites.
    Como cosplayer, preciso dizer: esses caras sabem que isso não se faz, e acham que vão arrancar rizadas de gente tão retardada quanto eles.
    Os cosplayers só querem se divertir, mas isso exige empenho na produção do cosplay compromisso e seriedade e… porra, acho que todo o mundo já sacou onde eu quero chegar. Enfim, tomara que essa garota enfie um processo no rabo da emissora inteira.
    Ah, siM! Fiquei feliz com a tua opinião. Por essas e outras que eu te sigo.

  12. Hugo Saraiva says:

    Inaceitável, mas esse é padrão deles. Logo, logo comentam que estão querendo limitar o humor, as pessoas que se ofendem a toa e coisa e tal.
    Sobre o Omelete, mandou bem!

  13. Lipe says:

    Biel, como se processo fosse adiantar alguma coisa…

    O Pânico sempre fez esse tipo de escrotidão e coisa até pior, você acha que eles nunca foram processados?

    Eles tomam processo direto e mais um não vai abalar em nada o programa. Processo não vai resolver. As pessoas deveriam, sim, parar de dar atenção a esse programa escroto. Não dar corda pra eles e ignorar as entrevistas. Sem isso, vão continua fazendo esse tipo de coisa e descendo cada vez mais o nível em busca de audiência.

    Se um dia vocês forem “entrevistados” por eles, a dica que eu dou é ignorar e sair de perto. Porque depois da fita gravada, já era. E eles com certeza farão algo desagradável, pois dá audiência.

    Entendo o que você disse e até espero que ela processe, mas não adianta comemorar isso como um vitória. Pra eles é mais do mesmo, infelizmente não vai mudar nada.

    • Bier says:

      Sim, sim… tá certo o que vc falou. Eles não vão aprender por isso. De fato, não considerei que eles já tem processos sobrando.
      Infelizmente para as pessoas decentes, a tosqueira continua…

      Eu comemoro o processo em partes, porque acredito que a garota mereça uma indenização. Mas se isso vai mudar alguma coisa com relação ao Pânico… não, isso não vai acontecer.

      (Ah! E é BieR, amigo.)
      🙂

  14. Caio Dias says:

    Concordo com tudo plenamente e inclusive no banimento da emissora toda da Band.

  15. Vinicius says:

    Olá meu caro Izzy,

    Eu li seu texto e como eu também escrevi um ( http://galaxianerd.com.br/novidades/desrespeito-na-ccxp-2015/ ), realmente é muito decepcionante o que ocorre nesta nossa mídia da TV Aberta!

  16. Emerson says:

    Lembrei da vez que o o maluco que faz (ou fez, não sei se o personagem ainda existe) o Freddie Mercury Prateado pegou um gel que eles trouxeram pra entrevista com Wagner Moura e passaram o gel no cabelo dele sem mais nem menos e pelas costas, que era pra ele não ter nem tempo de desviar ou algo assim. O cara ficou puto e muita gente achou exagerado, desnecessário e que ele não sabia brincar, mas em quem ainda sobrou sensatez sabe que ele estava certo. E se eles fazem isso com um ator que estava no auge de sua participação dentro do país, imagina o que podem fazer com uma pessoa que não tem tanta voz quanto um global.

    Eu, sinceramente, só esperava que eles fossem fazer aquelas zoações sem graça e semi-inofensivas que eles costumavam fazer. Não sei se eles já decidiram fazer coisas mais hardcore e isso foi apenas o desdobramento dessa nova política de “humor” deles, mas acredito, sim, que todo evento nerd deveria banir o programa para evitar constrangimento dos participantes. O programa só sabe fazer isso e não tem o mínimo de afinidade come esse tipo de público, é claro que eles só irão ficar fazendo brincadeiras dignas de um filme escolar americano.

  17. Joseph Climber says:

    Nerd:
    *Apanhou na escola.
    *Chacota no trabalho.
    *Imprestável em casa: “Larga essa revistinha e vai trabalhar vagabundo!”

    Mas eis que um dia:
    -Enfim, encontrei o meu lugar, uma convenção de nerds, onde serei aceito!

    Ai vem o pânico na tv…

  18. Clovis says:

    vai rolar um horario nobre por esse video Izzy?

  19. Gabriel Lodi says:

    Izzy, apoio um vídeo sobre isso (quanto maior o alcance dessa discussão, melhor).

    Sobre o ocorrido: me lembro de ser grande fã do Panico… quando eu tinha 12 anos de idade.

    E ao assistir hoje, eu vejo que mudaram os “atores”, mudou o canal, mudou a época e o nível do humor manteve-se o mesmo: pueril e, agora, desatualizado.

    Fato é que muito dos membros dessa “trupe” são conhecidos aqui em São Paulo por serem playboys e filhinhos de papai com grana, morando a maioria em regiões nobres da cidade. São aqueles caras acostumados a tirarem com a cara dos outros, fazer o que querem e não sofrer as consequências. Dê um microfone, uma camêra, produtores que pensam da mesma forma que eles e um programa em cadeia nacional… Bom, já dá pra saber que isso dá merda.

    Outra coisa também que se houve falar é que NENHUM dos membros querem cobrir eventos assim por realmente achar que o que tem lá dentro é um bando de “mongolóide” nerd. Óbvio que iam escrotizar.

    Eu tenho dó dessas pessoas. Elas estão destinadas ao fracasso. Daqui a 20 anos vão estar mendigando para aparecer em um programa de TV qualquer, como hoje é Alexandre Frota, Gretchen e outros.

  20. Rafael says:

    Julgar o histórico dos caras por uma matéria merda me parece bem precipitado, é ir no hype.
    Eles já deram várias zoadas épicas na Globo e em “artistas” cheios de si; já criaram personagens hilários e geniais; foram muito inovadores na TV brasileira. Claro que a qualidade decaiu muito, e essa matéria ficou absolutamente sem graça, e desrespeitosa. Não assisto o programa há anos, mas ficou bem claro pra mim, que o público dito “nerd” se dói muito fácil. Já vi gente pedindo pra tirarem o programa do ar. Colocar o Carioca, Edu Sterblitch, Cristian Pior no mesmo balaio desses estagiários é um erro enorme.
    Torço pra que o Pânico continue fazendo o humor dele, e que retome a antiga qualidade, ou que siga piorando e perca a audiência.

  21. joel says:

    Saudades da tv aberta?A distancia faz as pessoas verem qualidades que não existem.Continua um lixo e daqui a vinte anos vai tá do mesmo jeito ou pior.Pânico e CQC foram tentativas de trazerem de volta a velha baixaria dos anos 80(antes do politicamente correto e do controle por faixa etária).Quase que tiveram êxito. É o lixo ao quadrado.

  22. […] análise da dita matéria que pode resumir tudo o que você sente ao assistir tudo isso, leia clicando Aqui. A própria CCXP expulsou o Programa Pânico na Band do evento para sempre!Não acredita? Então […]

  23. Rafael SPFC says:

    Infelizmente é isso, a taxa de descerebrados no brasil só vem aumentando, e com isso, a audiência fica maior.
    Assinei até um abaixo-assinado pra tirar esse troço do ar, recomendo que façam o mesmo.