Hbdia
  • Feed do Hbdia
  • Twitter
  • Youtube

4 filmes tão ruins que mataram uma franquia

Postado em 21 January 2016 Escrito por Izzy Nobre 19 Comentários

Existem basicamente dois tipos de filmes merda — filmes bem bosta mas que rendem tanto na bilheteria que nos obrigam a aceitar infinitas continuações (oi Transformers), e filmes tão bostas, mas TÃO bostas, que não é possível nem mesmo recuperar o investimento da produção, encerrando a franquia ali mesmo.

Este texto é sobre esse segundo tipo de filme.

The Golden Compass (A Bússola de Ouro)

golden

Baseado no primeiro livro da trilogia His Dark Materials (que na publicação inglesa original se chamava “Northern Lights”, aliás), a série é meio que um “Crônicas de Nárnia” ao avesso — uma série de fantasia com uma mensagem bem crítica de fé e religião. O que o James Bond tá fazendo ali no meio eu não sei.

Embora a série que originou o filme tenha sido bem recebida, o filme foi tão bosta que rendeu 70 milhões nos EUA, tendo custado 180 milhões pra produzir. Ter recebido 42% no Rotten Tomatoes não ajudou também. O filme até lucrou consideravelmente no mercado internacional, que é geralmente o que salvam essas bombas hollywoodianas — mas em geral, se um filme não se paga em casa, é considerado uma aposta que não rende.

A trilogia ficou só no primeiro filme mesmo.

Green Lantern (Lanterna Verde)

green

Eu gosto do Ryan Reynolds. Apesar de praticamente fazer só filme bosta, ele tem uns bons momentos. Nenhum destes é encontrado em Lanterna Verde, no entanto, um aborto de filme que ao contrário do último citado não foi engolido nem pelas audiências internacionais. Custou 200 milhões, faturou 211 milhões. Apesar do final que sugere continuação, e de que o diretor havia prometido uma trilogia quando o primeiro ainda estava sendo filmado, os filmes seguintes do Lanterna foram impiedosamente cancelados.

Tomorrowland (Um Lugar Onde Nada é Impossível, Exceto Bolar Nomes Bons Pra Filmes Puta Que Pariu Quem Foi o Sobrinho do Dono da Distribuidora Que Sugeriu Essa)

tomorrow

O sucesso de Piratas do Caribe fez a Disney olhar ao redor dos seus parques e pensar “hmmm que outro brinquedo já esquecido pela molecada a gente pode transformar numa mega franquia de Hollywood?”. Os olhos bateram na Tomorrowland e alguém falou PRONTO CHAMA ALGUM DIRETOR BOM AÍ.

E chamaram. Mas o Brad Bird E a presença do George Clooney não alavancaram o filme. A parada rendeu apenas 20 milhões de dólares a mais que custou pra filmar, o que é considerado nos círculos profissionais cinematográficos pelo nome técnico “um retorno de bosta”.

Engavetaram a idéia de transformar a parada numa franquia, e mataram também a outra continuação de TRON. A Disney decidiu que, de agora em diante, ficção científica só mesmo as pitadinhas do Marvel Cinematic Universe e Star Wars (embora Star Wars não seja ficção científica).

John Carter (John Carter: Entre Dois Mundos)

untitled

Não dá exatamente pra culpar a Disney por abandonar a ficção científica. O Tomorrowland foi a segunda aposta ruim recente no gênero, o primeiro foi o John Carter em 2012. Caralho, esse filme vai fazer 4 anos já?! Puta merda.

Os problemas na produção desse fiolme são já icônicos. O título original da obra é John Carter Of Mars. Esse “Of Mars” provou-se problemático, porque quando a Disney ofereceu a idéia do filme pros seus parceiros no ramo de produção de brinquedos (sim, isso é um fator importante quando se produzem filme hoje em dia), estes torceram os narizes apontando que filmes baseados em Marte até hoje sempre foram bombas. Então a Disney resolveu tirar o “of Mars” do nome, falando “e agora, melhorou?”, igual seu pai no telhado da casa ajustando a antena antes do clássico Paissandu e Veranópolis no Hermínio Esposito.

Acabou não ajudando, porque sem o modificador OF MARS o marketing do filme fazia ele parecer uma fantasia qualquer, em vez do scifi que atrairia justamente o público mais apto pra ver o filme.

Não é a toa que o filme foi a maior bomba nos anos recentes — John Carter custou à Disney 263 milhões, e faturou 284. Não chegou a ser um prejuízo, mas foi perto disso. A Disney então olhou pros direitos do personagem, e falou “deixa essa porra reverter pro dono original e foda-se”, que é o gesto mais “lavei as mãos dessa merda” possível em Hollywood. Como outros dessa lista, a trilogia planejada ficou com um filme só.

Que outros filmes você lembra que arruinaram a esperança de uma franquia?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

Categorias: Top X

About Izzy Nobre

Oi! Eu sou o autor desta pocilga. Tenho 32 anos, também sou conhecido como "Kid", e moro no Canadá há 13 anos. Geralmente perco meu tempo na internet atualizando este blog, batendo papo no twitter, produzindo vídeos para o youtube, e conversando sobre videogames antigos no podcast 99 Vidas, e sobre notícias bizarras n'O MELHOR PODCAST DO BRASIL. Se você gostou deste texto, venha me dizer um alô! Adoro conversar com os leitores :)

19 Comentários \o/

  1. Dan Medeiros says:

    Outro que me ressalta rápido é o Avatar (O Último Mestre do Ar). O desenho foi FODA, o filme parecia seguir o mesmo roteiro do desenho, o que também seria foda, mas infelizmente não foi o que aconteceu.

    Pior que eu gosto muito desse filme, gostei das mudanças étnicas que eles fizeram, fez até mais sentido pro lore do desenho, mas sei que sou um dos poucos raros que gostaram hahahaha.

  2. Eu gostei de John Carter, mas o marketing da Disney foi horrível.

  3. Fernando Machado says:

    Ouvi no zootube que a Trilogia Ruim do Star Wars matou a franquia de tal modo que tiveram que relançar ela com novo visual, direção, elenco e roteiro pra relembrar como a Trilogia Clássica foi boa, sem imitar totalmente mas induzir nostalgia (o sentimento de “antigamente era tão bom”).

  4. Angelo Moreira says:

    Dragon Ball Evolution que no final sugere uma continuação tmb morreu, the Amazing Spider-Man no segundo filme se despediu depois de uma cena que mostra quais sao os próximos vilões que seriam explorados pela franquia e Fantastic Four (2015) eu duvido que sobreviva para contar historia.

  5. Marcos Paulo says:

    John Carter é do caralho. Uma pena que tenha rendido tão pouco.

  6. Lownyr says:

    E claro a maioria dos filmes em que são retração de jogos, como The King of Fighters, e não de jogos o ”icônico” Dragonball Evolution. Que é o rei de todos kkkkk

  7. Felipe ROcha says:

    QUanto ao John Carter, eu até que gostei do filme.
    O tomorrow land achei tão ruim que não consigo ver o filme, a vontade de fechar o video é maior.
    Os demais nem me aventurei a tentar ver.

  8. Rafael Nunes says:

    A história sem fim, também é um desastre…. Os filmes não fazem jus ao livro, que é uma obra fantástica!

  9. Daniel Saraiva says:

    Nos ano 80 teve um filme Caravana da Coragem muito ruim.

  10. Rui Carodi says:

    Um caso que me deu pena foi o Juiz Dredd. O filme de 1995 do Stalone foi tão ruim que fez as vendas das revistas despencarem e o filme realizado depois (em 2012) não ter a audiência merecida para um bom filme com o personagem.
    Havia eu postado um comentário com este mesmo conteúdo anteriormente mas foi apagado. Fiz algo errado? Existe alguma política para exclusão de comentários?

  11. Brito says:

    Desventuras em Série (A Series of Unfortunate Events), com Jim Carrey, Meryl Streep, Jude Law e Billy Connely.

  12. Amanda says:

    Lembrar que tecnicamente esses filmes deram prejuízo sim, porque no valor do custo de produção não conta justamente o valor de marketing (que para filmes grandes como esses vão para a casa dos centenas de milhares de dólares).

  13. Sonetti says:

    Cara, acrescenta ai o filme do ERAGON.
    Tinha tudo para ter filmes para todos os livros.
    Mas, zoaram…

  14. Erik says:

    Lembro de Eragon, Dungeons & Dragons, The Last Airbender, Instrumentos Mortais, Sétimo Filho…

  15. Caique Marques says:

    Eu juro que entrei aqui esperando por Persy Jackson no meio. Eu li os livros e pensei: q bosta eles tão fazendo quando vi os filmes. Mesmo que tenham feito um segundo filme, eram no mínimo 5 filmes da saga principal e mais 5 de uma possível continuação, que é até melhor q a primeira saga

  16. Luciano says:

    Hollywood muito olho gordo, por isto não gasto dinheiro com as produções de lá, creio que se brasileiros tiverem o mesmo dinheiro que os americanos têm para fazer filme fazem coisa melhor, até eu faria.