Hbdia
  • Feed do Hbdia
  • Twitter
  • Youtube

[ Vergonha Alheia da Semana ] Os ladrões de refri do Burger King atacam novamente

Postado em 3 April 2014 Escrito por Izzy Nobre 60 Comentários

DUAS Vergonhas Alheias da Semana essa semana? Abril começou forte, viu!

E sim, esta parada é meio antiga, mas só descobri agora, então foda-se: falarei agora.

Em outubro do ano passado, eu descobri um vídeo em que uns rapazes “burlavam o sistema” do Burger King pra abusar do sistema de refill de refrigerantes oferecido pelo Burger King. Eis o vídeo, caso você não tenha visto:

No post eu essencialmente denuncio a “brincadeira” como uma pilantragem cretina e vergonhosa que, se fosse emulado por um número significativo de pessoas — e o vídeo de certa forma estimula isso — acabaria resultando na suspensão desse privilégio para o resto dos consumidores (porque quando rolam abusos, é isso que costuma acontecer). O post se tornou bastante compartilhado, com 4500 shares no Facebook.

(Fui bastante criticado pela fauna infanto-juvenil do YouTube, aliás, por ter promovido uma suposta “guerra de deslikes (sic)” contra o canal dos meninos ou algo assim. Pra turminha sub-18, deslike é coisa séria, embora eu não tenha convocado naquele texto nenhuma cruzada contra as positivações do vídeo dos rapazes)

Talvez pela popularidade daquele texto, o post acabou indo parar no monitor do idealizador da brincadeira. Ele se manifestou nos comentários defendendo a palhaçada e finalizou revelando uma surpresa: ele conhece o meu trabalho, e se sentiu de certa forma lisonjeado por aparecer no site.

E nem foi uma cutucadinha irônica passiva-agressiva, não. Ele pareceu legitimamente satisfeito por se ver aqui. Além de mencionar isso durante todo o comentário, ele concluiu com:

rapaz do burger king

Um dos argumentos do rapaz no mesmo comentário foi:

A intenção desse vídeo foi mostrar para as pessoas que quando você tem um senso crítico mais aguçado, você pode enxergar além do que tá na sua cara, você consegue ler nas entrelinhas, e fazer disso algo positivo para você.

Ok.

Ele ignorou que no processo ele está lesando uma empresa (foda-se se a empresa é “rica”, isso não te dá o direito de lesa-la, caralho) e possivelmente os outros clientes para benefício próprio. Ou seja, apesar de aparentemente eloquente, o argumento do garoto é uma releitura generosa da boa e velha Lei de Gérson.

Quando ele diz “você pode enxergar além do que tá na sua cara, você consegue ler nas entrelinhas, e fazer disso algo positivo para você”, o que ele está REALMENTE falando é:

Em sua defesa, apesar desse argumento do qual eu discordo, ele se mostrou bastante ponderado e educado na sua resposta ao meu post. Isso, aliado ao fato de que o rapaz é um fã do meu trabalho, me deixou de coração mole. Pensei “ah, essas jumentices da juventude fazem parte do processo de aprendizado, né? Fazer o que.”

Hoje, meses depois, percebi que o moleque migrou de “abusos relativamente leves de regulamentos sem definições claras que definem os limites de consumo daquilo pelo qual você pagou” pra literalmente “roubando mercadoria”.

Acompanhem o vídeo.

Perceba o que te recepciona logo de cara quando você abre o vídeo:

Ladroes

Ahhh, eles são almas altruístas! De acordo com o espírito white hat, os youtubers estão simplesmente testando os protocolos anti-abuso dos restaurantes para então os alertarem e assim melhorarem o sistema! É uma missão nobre (mas é ao mesmo tempo um “tipo de humor”…?) e se você vê algum problema com isso, você é um moralista conservador bolsonarístico filho da puta.

Ok. No que consiste então a parada?

Os garotos orbitam um quiosque de sorvete do McDonalds, em busca de um comprovante de compra que esteja intacto (já que a prática no restaurante é carimbar ou rasgar o recibo). Uma vez com o recibo em mãos, os rapazes vão lá e literalmente, sem qualquer atenuante semântico para o termo, roubam sorvetes.

No caso do refrigerante do Burger King, que já era um espírito de porco aproveitador do caralho, pelo menos eles de fato tinham pago um lanche e tinham direito de ALGUNS refis. Extrapolar isso pra encher um galão de 20L é uma claríssima e indefensável picaretice, mas novamente — pelo menos em algum momento antes da lamentável sacanagem que dá razão ao estereotipo huehuebrbrbrbr, eles tinham sido consumidores legítimos.

Nesta nova brincadeira, no entanto, os rapaz partiram direto pro roubo descarado. Não há outra forma de definir o que aconteceu nesse vídeo, senão fraude e roubo.

E se  na presepada de antes eles tentavam se amparar na tecnicalidade literal do regulamento do refil, na pontinha dos pés numa fina área cinza moral, talvez por notar que não colou, dessa vez eles se pintaram como ativistas procurando vulnerabilidades para “reformular o sistema”.

Guess what, moleques? Já existe um sistema pra identificar quem comprou o sorvete. Se chama “aquele recibo do qual você se aproveitou para levar vantagem”. O próprio pentelho lembra aos espectadores que existe um sistema de carimbar ou rasgar a nota, JUSTAMENTE pra identificar as que já foram usadas. Já existe um sistema pra impedir abusos, e o único motivo pelo qual ele falhou é porque (presumivelmente) o atendente cometeu uma breve desantenção.

E vocês agora divulgaram isso pra internet, incentivando outros malandros a fazer o mesmo. E tenho certeza que em nenhum momento vocês imaginaram que a brincadeira poderia custar ao pobre atendente desatento seu emprego.

E se havia qualquer presunção de um suposto ativismo em prol da segurança corporativa do McDonalds, nem mesmo o mais palerma dos espectadores poderia comprar essa justificativa após terminar de ver o vídeo. Em nenhum momento os garotos retornam ao McDonalds pra pagar pelos sorvetes roubados, ou pra informar o atendente do seu presumível vacilo.

Eles aparecem eufóricos porque comeram sorvete de graça (ao mesmo tempo que lamentam terem conseguido apenas e só.

Fig1: Dois rapazes que hidratam o rosto com óleo de peroba

Ok, lembro que deixei passar da primeira vez porque o moleque é fã do HBD e é jovem, e quando se é jovem se faz cagada mesmo. É fazendo merda que se aduba a vida, mas meu filho, pode parar que a sua já tá bastante fértil.

E acho que ele nunca parou pra pensar que se divulgando fazendo esse tipo de imbecilidade, o garoto está essencialmente se livrando do risco de um dia ter um emprego sério. Basta um possível empregador resolver dar uma pesquisada na vida online dele.

Na moral, que tipo de mongolóide se filma ROUBANDO e posta isso na internet pra 50+ mil pessoas assistirem?!

Estes.

Este tipo.

Legal vai ser quando os pais (porque eu tenho CERTEZA que esses moleques ainda moram na casa dos pais, sujeitos à sua disciplina) descobrirem o que os filhotinhos andam fazendo por aí.

Se bem que com esse comportamento, sinto a sensação de que disciplina paterna não foi uma constante na vida destas crianças.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

About Izzy Nobre

Oi! Eu sou o autor desta pocilga. Tenho 30 anos, também sou conhecido como "Kid", moro no Canadá há 10 anos, e sou casado com uma gringa. Geralmente perco meu tempo na internet atualizando este blog, batendo papo no twitter, produzindo vídeos para o youtube, e conversando sobre videogames antigos no podcast 99 Vidas. Se você gostou deste texto, venha me dizer um alô! Adoro conversar com os leitores :)

60 Comentários \o/

  1. Solange Gamboa says:

    Se fosse meu filho, arranjaria um emprego pra ele e pegaria todo o salário dele no fim do mês, como castigo por roubar. Trabalhar 1 ano sem receber.

  2. Vinicius Martarello says:

    Lamentável, espero que eles mudem de atitude depois de mais uma denúncia sua.

  3. Danilo says:

    “Maioridade penal pra 16 anos?! Pra que isso? Só adultos cometem crimes. Leave them kids alone.”

  4. DoAssogue says:

    É o tipo de gente que ao receber troco a mais no mercado ou no banco, embolsa o dinheiro e sai contando vantagem, desconsiderando que o caixa que errou e que recebe um salário de merda, vai ter que pagar do bolso!

  5. Lucas says:

    Meu Brasil brasileiro.

  6. Dan Medeiros says:

    Esse eu realmente senti um grande sentimento de vergonha alheia. O pior é saber que os jovens apoiam essa atividade esdrúxula.

    Sei que adolesncentes são babacas. Eu já fui babaca, você já foi babaca, TODOS fomos babacas. Mas vale ressaltar que essa juventude está muito mais babaca e estúpida do que nós fomos. E em grande parte é pela facilidade de informação, que no fim das contas nem era pra ser usado esse termo.

    (Sentimento foda de vergonha e desgosto)

  7. Carlos Schneider says:

    Vergonha e mais vergonha. O comportamento desses moleques só mostra que os políticos são reflexo da cultura da malandragem do seu povo. Pra mim o que eles fazem e simplesmente ROUBO, é a mesma coisa de ”pessoal vejam que quando esse atendente dessa empresa rica fica desatento vou pegar todo o dinheiro do caixa sem ninguém perceber”. Pra mim é a mesma coisa e não duvido que virem bandidos no futuro. Lamentável.

    • cristiano says:

      Discordo de você, Carlos, quando diz que esses dois podem virar bandidos NO FUTURO. Para mim, já o são.
      Izzi, vocÊ acha que os pais dessas porcarias aí não sabem de nada? Duvido! “No meu tempo” … os moleques levariam uma boa duma surra e seriam obrigados pelos pais a irem à loja para “devolverem” o artigo. No caso, pagar com a última mesada que receberiam em meses … pois é claro que esses merdas parecem não trabalhar. Só vagabundo é que não acha isso o que fizeram errado.
      Expor a falha como entretenimento é válido. Deveriam aplicar o “golpe” e irem diretamente falar com o gerente, antes de postar qualquer coisa na internet. ISSO é “explorar as falhas do sistema”, ou “hacker do bem”.

      • Carlos Schneider says:

        Concordo que já podemos considerá-los bandidos, digamos então que no futuro seriam bandidos de maior periculosidade, sendo otimistas ainda.

  8. Felipe Mendes says:

    Izzy,vc não acha que eles simplesmente aproveitaram de um erro do sistema?Porque quando compraram o computador com o preço obviamente errado no walmart todo mundo concordou e ficou naquela :”Brasileiro só se fode,quando tiver uma chance tem que aproveitar”,mas quando enganam o mcdonalds todos ficam putinhos e com vergonha?Eu acho que é tudo bolacha do mesmo pacote,acho hipocrisia alguns fãs seus concordarem com a atitude de comprarem um pc com o preço errado e achar que ta no direito e criticar as pessoas que fizeram esse video.

    • Rochester says:

      Que “todo mundo”, meu amigo? Eu (e MUITO mais gente) achei uma putaria você aproveitar de um erro do sistema.

      Mas sinceramente acho que os caras só compraram um sorvete e deixaram o nota no chão lá. Nunca vi um atendente “esquecer” de rasgar a nota e na maioria das vezes eles rasgam E ficam com a nota

    • cwf says:

      Patética a sua posição. São eventos TOTALMENTE diferentes o que quer que tenha acontecido no Walmart com o ROUBO de sorvetes no McDonalds. No caso do Walmart, levaram proveito de um artigo do CDC que existe para proteger os consumidores dos casos em que uma empresa anuncia um valor mais baixo com intuito de atrair consumidores de uma forma maliciosa, e não honrando com este preço. Só não valeria se o computador tivesse sido vendido por R$1,00, pois aí caracteriza-se o equívoco. O que aconteceu neste vídeo basicamente seria tratado pelo código penal: Isto é furto.
      Mas eu vim aqui dizer sobre o caso do refrigerante do Burger King. Passei uma temporada de minha vida na Rússia e na gélida terra de Putin, o Burger King NÃO vende refrigerante com o sistema de refil. Porque? Os próprios russos dizem: Não funcionaria! Eles simplesmente iriam abusar do sistema e a rede de fast-food achou por melhor simplesmente não implantar esta ideia lá. Eu acho que o mesmo deveria ser feito aqui até que o povo brasileiro aprendamos a utilizar corretamente este pequenos “direitos”. No caso do Burger King, estão agindo dentro da norma, mas não de uma forma moral. Quanto ao vídeo de hoje, simplesmente lamentável. Quanto custa uma casquinha do McDonalds? R$2,00? Eu gostaria que estes jovens pudessem responder por estes atos!

      • Gustavo says:

        Parem, parem com esse complexo de robin hood, o brasileiro (eu me incluo, porém penso um pouco mais) tem essa síndrome de cachorro chutado.

        Justifica que ta fazendo merda porque fazem merda com ele, isso é um ciclo e queiram vocês ou não, isso vem do berço.

        O que esse marginais fizeram reflete o 101 do brasileiro, todas as etapas, justificando a merda com outra, hatter de corporação(eles são milhonarios, um sorvete não vai causar dano nenhum), falsidade e essa nojenta, mas MUITO nojenta idéia de levar vantagem em tudo.

        Quem acha que o valor do que foi roubado descaracterisa um roubo, desculpe, mas voc^’e um otário e babaca como esses muleques do video.

  9. Wellington Alves says:

    É o mesmo princípio que leva os encoxadores a filmarem suas “conquistas” e compartilhar na internet, incentivando novos encoxadores.

  10. Marcelo says:

    O próximo vídeo será: “Como conseguir sexo de graça apenas derrubando um sabonete no banheiro da prisão”

  11. norton says:

    Mas não duvido que compraram os sorvetes, largaram n cantinho ali a nota, filmaram só ele pegando de volta e foram lá e pegaram os sorvetes, metendo essa de que burlaram o sistema.

  12. Thiago says:

    Será que se eu burlasse o “sistema” da casa desse sujeito e roubasse sua TV, notebook e camera ele acharia bonito?

  13. Tudo certo, com apenas uma exceção. Creio que se você fizer uma pesquisa etária no seu publico, não vai ficar muito distante desse sub-18 que vc mencionou, te acompanho a algum tempo e sempre notei isso nos comentários, instagram e menções no twitter

  14. Siqueira says:

    E tão difícil alguém denunciar? Ninguém pode fazer nada?

    • JB says:

      Pois é, pensei o mesmo, mas acho que no Brasil não contaria como flagrante nem mesmo se ele tivesse matando alguém.
      Serviria como prova em um inquérito policial, mas vc não acha que a polícia vai abrir inquérito por causa de sorvetes, né?
      Bem, tudo achismo meu. Alguém aí da corporação pra corroborar?

  15. Ismael Junior says:

    Pois KID, vejo que está há muito tempo em terras gélidas: a leitura tupiniquim para o que eles fizeram é “Uau! Que espertos são meus filhos, eles conseguiram burlar uma atendente do McDonald’s!!”
    Realmente é lamentável reconhecer que a cultura na qual me insiro valoriza e incentiva esse tipo de comportamento…

  16. Gustavo C. says:

    Cara, esses dias eu me peguei pensando: quem nunca quando criança ouviu a frase “saiu perdeu o lugar”? E aí eu me dei conta que desde que somos crianças convivemos com o hábito das pessoas puxarem o tapete uns dos outros, mesmo entre coleguinhas de pré-escola, sendo que a idéia de respeitar esse “lugar” do outro não passa pela cabeça de ninguém.. =(

  17. De novo, eu preferia não falar sobre este assunto, mas gostaria de expressar minha opinião pelo tom ofensivo deste post. Deixamos bem claro no início do vídeo o real objetivo dele, e tudo que você fez foi tentar “satiriza-lo”. Em nenhum momento, roubamos mercadoria como mencionado, apenas utilizamos esta falha da rede para alertá-los de possíveis prejuízos e entreter os nossos inscritos. Nós do não é sério TV nunca praticamos nenhum crime, diferente de você. Em certo momento do seu post, você cita “Fig1: Dois rapazes que hidratam o rosto com óleo de peroba”, o que é uma forma de bullying. Tentaremos tomar as medidas judiciais possiveis. Não irei mais acompanhar o seu trabalho após este incidente; saiba que acabou de perder um grande admirador.
    Abraços, W.

    • André says:

      Assim como o nome do seu canal, tenho certeza que ninguém, nem seu advogado, vai levar isso a sério. “Nunca cometemos um crime” -- Por acaso vocês pegaram emprestado pra devolver depois? Ou pegaram emprestado pra sempre? Na boa, não entendo dizer que R$10,00 não é nada, num país que tem gente passando fome, muito provavelmente tirar o emprego do funcionário que lhes atendeu por não censurar o rosto do coitado (que já ganhava mal e deve ter levado um esporro do chefe) e dizer que não cometeram nenhum crime.

      Aproveita que você já começou isso e grava um vídeo entregando um cheque sem fundo pro seu advogado para alertá-lo de possíveis prejuízos e entreter os seus inscritos.

      “Hur processaremos o Izzy por Bullying” -- Queria que todos os gordinhos do mundo estivessem aqui pra rir da sua cara.

    • Héctor Campos says:

      Já pensaram que isso pode ter custado o emprego de alguém? Tirando a parte legal. Vocês também não tem moral.
      É ridiculo fomentar esse tipo de atitude e ainda por cima querer justificar um erro.
      Espero que parem para pensar o quão danoso é esse vídeo. E mudem antes que vocês façam parte do sistema.
      O sistema penal.

    • Tânia B. says:

      Chamar alguém de cara de pau não se classifica como bullying nem em Brasília, meu querido. Boa sorte com as medidas judiciais, vocês vão precisar.

    • André Henrique says:

      Que medida judicial kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ele mora no canadá po

    • Leandro Passos says:

      “Em nehum momento roubamos mercadoria como mencionado”.

      Ahan, e a gente finge que o Gérson nunca ensinou ninguém a tirar vantagem.

      Vou endossar a resposta do pessoal que respondeu anteriormente, e porque antes tive a infelicidade de assistir a este vídeo: o caso do sorvete pode SIM resultar em penalidades a vocês, porque simplesmente nem tiveram a iniciativa de voltar à lanchonete, e o Art. 171 do CP é claro.

      E o “óleo de peroba” representa a cara de pau de vocês para justificar o injustificável. Este caso, meus caros, já perderam.

    • Arthur Barros says:

      Cara, vai ser muito engraçado ver vocês serem presos.

      HAHAHAHAHAHAHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHHA

  18. De novo, eu preferia não falar sobre este assunto, mas gostaria de expressar minha opinião pelo tom ofensivo deste post. Deixamos bem claro no início do vídeo o real objetivo dele, e tudo que você fez foi tentar “satiriza-lo”. Em nenhum momento, roubamos mercadoria como mencionado, apenas utilizamos esta falha da rede para alertá-los de possíveis prejuízos e entreter os nossos inscritos. Nós do não é sério TV nunca praticamos nenhum crime, diferente de você. Em certo momento do seu post, você cita “Fig1: Dois rapazes que hidratam o rosto com óleo de peroba”, o que é uma forma de bullying. Tentaremos tomar as medidas judiciais possiveis. Não irei mais acompanhar o seu trabalho após este incidente; saiba que acabou de perder um grande admirador.
    Abraços, W. 😉

    • Thiago Firmino says:

      Processar o Izzy? Espero que você noção de gastos de trâmites judiciais, principalmente quando o acusado mora fora do Brasil. Espera, já sei! Você vai criar mais um vídeo “Burlando o Sistema”, de como “processar alguém fora do país sem pagar nada”. So digo duas coisas: cresça e seja homem! O que você faz não é burlar o sistema, mas roubo. Você foi la depois pagar os prejuízos a empresas ou mostrou os vídeos para os respectivos gerentes,para conscientizá-los do problema? Eu acho que não né?

    • VCR says:

      Se vocês de fato quisessem alertar as empresas acerca das falhas de segurança em seus sistemas certamente se utilizariam de formas mais efetivas do que meramente postar aqueles videos. Aposto sem medo de errar que vocês jamais entraram em contato com qualquer uma das empresas explicando as situações e como elas poderiam ser evitadas. Poderiam, também, avisar os próprios funcionários/gerentes dos locais após o registro dos atos praticados, demonstrando a falha. Mas não, nada nos videos dá a entender que vocês tem interesse no aperfeiçoamento dos sistemas burlados. Pra mim, assim como para quase todo mundo que comentou aqui, trata-se de clara má-fé para ganhar indevidamente produtos que vocês não pagaram.

    • OMFG WHAT?

      1. Vocês FURTARAM a mercadoria do Mc Donald’s utilizando uma falha de um FUNCIONÁRIO, logo não é falha do sistema.

      2. Vocês dizem “Deixamos bem claro no início do vídeo o real objetivo dele” quando na verdade isso não condiz com as imagens, pois na verdade não existe NENHUMA contribuição para o sistema da empresa e apenas prejuízo e um tutorial de como conseguir sorvete de graça.

      3. Parem se ridicularizar.

    • David says:

      Hum, vamos ver o que o Código Penal diz?
      Sobre o conteúdo do comentário:
      “Ameaça
      Art. 147 -- Ameaçar alguém, por palavra, escrito ou gesto, ou qualquer outro meio simbólico, de causar-lhe mal injusto e grave:

      Pena -- detenção, de um a seis meses, ou multa.

      Parágrafo único -- Somente se procede mediante representação.”

      Sobre os atos do vídeo (atentem para o inciso II, que foi exatamente o que foi feito no vídeo):

      “Furto qualificado

      § 4º -- A pena é de reclusão de dois a oito anos, e multa, se o crime é cometido:

      I -- com destruição ou rompimento de obstáculo à subtração da coisa;

      II -- com abuso de confiança, ou mediante fraude, escalada ou destreza;

      III -- com emprego de chave falsa;

      IV -- mediante concurso de duas ou mais pessoas.

      § 5º -- A pena é de reclusão de 3 (três) a 8 (oito) anos, se a subtração for de veículo automotor que venha a ser transportado para outro Estado ou para o exterior.”

      Boa sorte com o processo contra o Izzy.

      • Andre K. says:

        LOLWUT! Boa sorte em tentar processar alguém no Canadá por usar a frase “hidratar a face com óleo de peroba”.

    • Marcos says:

      Jovem, aproveita que você quer processar o dono do blog, e já me adiciona também no processo por mandar você tomar no cu!

      Vem “ensinar” como dar um “golpe” aí, deixando claro conteúdo apologético ao estelionato e vem falar que dizer que você hidrata a tua cara com óleo de peroba é “bullying”?

      Óleo de peroba é o mínimo, rapá, tua cara já tá toda comida por cupim por dentro, seu safado! Deixa de ser moleque e vai fazer alguma coisa útil da tua vida ao invés de querer pagar de malandro fazendo papel de otário.

      Tá aí… Tu é o paradoxo da malangragem. 😛

      Seu bosta!

  19. João Luiz CL says:

    Seguindo a lógica dos caras se eu entrar numa loja sem aqueles magnéticos de segurança e levar um produto sem que ninguém veja, eu não estaria roubando, estou só alertando os donos da loja de uma falha de segurança, afinal é muito correto burlar um sistema, não vou causar nenhum prejuízo pra uma loja rica mesmo.

  20. Bruno says:

    Todos que assistirem o vídeo, não esqueçam de negativar. Se eles vão ganhar uns centavos com nossas views, temos que dar um jeito de compensar negativamente.

  21. Um sorvete no shopping não custa tão caro assim. É tão bom pagar pelos “goodies” da vida…

  22. Leici says:

    Espero que caras como esses não façam parte de manifestações anticorrupção… Infelizmente tem muita gente que gosta de tirar vantagem sempre que possível, tanto que vira notícia quando alguém (pobre, geralmente)devolve dinheiro ao dono.

  23. Hauwhauehw says:

    Hauwhauehanauwe ai meu saco como eu ri do comentario do cara tentando justificar a cretinagem, LOL^4

  24. Alyne says:

    Ri mais dos comentários do que do post, o moleque voltar aqui pra ENSAIAR uma argumentação tão patética foi a cereja do bolo,
    LOL^5

  25. Leonardoneen says:

    LOL^6

  26. Olha Izzy, tipo assim, eu assistir esse video do refrigerante depois de estar “famoso” na internet, eu cliquei no play pensando “Esses caras devem ter feito uma M**** muito grande, quando assistir o video confesso que rir, e não achei la estes “roubos” ate por que os gerentes tiveram uma conversa com eles e bla bla bla. Mas esse cara…serio, isso ai realmente é roubo, e discarado, no CQC(programa brasileiro de TV, que você provavelmente conhece) eles tem uma quadro chamado “Olho por olho” e outro para enganar pessoas com truques por dinheiro, mas logo apos eles fazerem o truque eles devovem o dinheiro do cara ou explica para quem fez m**** o que fez de errado, no geral tem uma “lição de MORAL”, mas nesse video o cara não fala pro gerente, não senta e ver se eles percebem que fez algo de errado para devolver o dinheiro e etc… Isso ai que eles fizeram funciona praticamente na mesma tese da pirataria,sem lição de oral, fizeram justamente o contrario, e incentivando ainda outros a fazer.Então…concordo plenamente com você, e sobre o outro video do refrigerante também(E Coitado do pessoal que trabalha nesse sorvete ai)

  27. masashi ohta says:

    Depois essas mesmas possoas reclamam que politico brasileiro eh corrupto.