Hbdia
  • Feed do Hbdia
  • Twitter
  • Youtube

Pronto, a internet atingiu o seu ponto mais baixo

Postado em 14 July 2014 Escrito por Izzy Nobre 23 Comentários

Em 2015 não teremos os hoverboards e carros voadores profetizados por De Volta Para o Futuro 2 (aliás, provavelmente nunca teremos carros voadores, e eis o porque), mas será ainda uma data memorável pra mim porque celebrarei 20 anos de internet. E nesses 20 anos de internet, eu vi muita coisa desgraçada e lamentável.

Tinha o Rotten, por exemplo, um shock site clássico dos anos 90 (que não mudou muito desde então) que era o principal destino do meu navegador quando amiguinhos vinham me visitar em casa e eu queria traumatiza-los. O Ogrish, que em 2006 virou o LiveLeak, era outra fonte de vídeos e imagens terríveis. Imageboards com o 4chan também contribuiram para a minha dessensibilização de material como esses.

Eu achava que mais NADA na internet poderia me chocar ou provocar uma reação de intensa ojeriza… até hoje.

Eu não lembro mais COMO fui cair nessa página. Eu tenho o (péssimo)  hábito de usar 2 navegadores simultaneamente, um aberto em cada monitor, com 400 abas abertas que às vezes vieram de um link que eu cliquei ontem e só fui verificar hoje. Meus caminhos pela internet são difíceis de mapear.

Mas enfim, alguém me mandou esta merda.

Então. Numa fanpage dedicada a alguma ídolo teen que eu desconheço completamente — o que me faz me sentir velho pra caralho –, esta imagem de crianças sofrendo de inanição na Nigéria foi postada como uma pergunta retórica: se você tivesse meios hipotéticos de ajudar crianças subnutridas à beira da morte, você ajudaria? A página pede que você Compartilhe a imagem se sua resposta é “sim”, curta se “talvez”, e “só olha” se a resposta for “não”.

Considere todos os fatores que precisaram acontecer pra que essa imagem desgraçadíssima precisasse existir. Em algum lugar do nosso amado país uma pessoa sentou na frente do computador, foi ao Google, digitou “criancinhas morrendo” no campo de pesquisa (possivelmente o search mais sadístico que alguém poderia fazer), e ficou procurando, tal alguém que passeia por um shopping, a “melhor imagem”.

Achando a imagem acima, ela abriu o Photoshop pirata e jogou por cima da foto essa chantagem emocional arquitetada cuidadosamente pra trapacear o mecanismo de curtidas/compartilhamentos do Facebook. Talvez ela deu uma ajeitadinha no posicionamento do texto, pra acertar bacana e tal.

Terminada a obra de arte, a pessoa então fez upload pro Facebook, pensando satisfeita “rapaz, esse aí vai dar compartilhamento pra caramba!!!!”.

E essa foi, a despeito das tentativas dos cantos mais sombrios da internet, a coisa mais horrível que eu já fiz alguém fazer, e por TÃO POUCO. Já vi todo tipo de desgraça na internet, mas alguém (que quase certamente vive em conforto) usando imagens de criancinhas tão perto da morte pra angariar pontos virtuais é completamente deplorável.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

Categorias: A internet é foda

About Izzy Nobre

Oi! Eu sou o autor desta pocilga. Tenho 32 anos, também sou conhecido como "Kid", e moro no Canadá há 13 anos. Geralmente perco meu tempo na internet atualizando este blog, batendo papo no twitter, produzindo vídeos para o youtube, e conversando sobre videogames antigos no podcast 99 Vidas, e sobre notícias bizarras n'O MELHOR PODCAST DO BRASIL. Se você gostou deste texto, venha me dizer um alô! Adoro conversar com os leitores :)

23 Comentários \o/

  1. Philippe says:

    Mesmo sendo verificada pelo Facebook não acredito que a página seja oficial (existem outros casos em que o FB libera o selo sem averiguar de verdade). Provavelmente estão usando a imagem da atriz (professora da nova versão de Carrossel) de modo ilegal mesmo.

  2. Luís Fernando says:

    Nossa, por mais que esse tipo de postagem me irrite muito, desde que eu me lembre de usar o facebook, existem imagens dessas sendo compartilhadas a esmo. E, essa ai ta até leve, já vi várias com cenas totalmente explicitas que me fizeram até passar mal, e não foram apenas com crianças, com animais as pessoas fazem a mesma coisa. Eu queria saber o que se passa na cabeça desses seres que colocam essas “postagens” no facebook, porque uma mentalidade dita como normal não pensaria nisso.

  3. David says:

    Cara, isso é igual àquelas imagens com essas “chantagens emocionais” que vagabundo faz com animais maltratados. Ou aquelas pessoas que passam o dia inteiro nas mídias sociais postando fotos de animais abandonados que estas mesmas pessoas praticamente impõem que você tem a obrigação de adotá-los.

    Veja bem, acho muito triste ver animais indefesos sendo vítimas de maus tratos e de abandono, mas a encheção de saco com essa “obrigação” de adotá-los passou muito dos limites. Dei unfollow em monte de gente no Twitter, assim como desfiz amizade com outros tantos no Facebook por conta disso.

    Ninguém para pra pensar que algumas pessoas não adotam estes bichinhos simplesmente por não ter a menor condição de tê-los em casa.

    • Camilo says:

      Mas nesse caso é por uma boa causa! Se você gosta de tipo de conteúdo, tudo bem, dê unfollow, mas fazer campanhas de doação utilizando fotos triste é uma chantagem emocional sadia, pois vai favorecer animais.

      Agora, fazer isso para ganhar LIKES e COMPARTILHAMENTOS é sim uma coisa desprezível. Seja utilizando fotos de animais carentes, crianças ou até mesmo utilizando a religião.

      • David says:

        Desculpa, amigo, mas “chantagem emocional” NUNCA é uma coisa sadia.

        • vitor says:

          realmente,se a sua campanha é tão fraca que você precisa CHANTAGEAR alguém para ajudá-la,talvez você não mereça essa ajuda,as pessoas precisam entender que você não precisa de truques baratos para ajudar a humanidade,se for mesmo uma boa causa as pessoas vão ajudar,por que o jeito certo de doar é doar por VONTADE,não por culpa.

  4. Bruno Guedes says:

    Não tem SEQUER um link pra uma caridade ou mesmo uma página com informações de como ajudar.

    Nada.

    Só apelação. Pqp.

  5. Capitão Átomo says:

    Interessante é a resposta da Julia I., onde diz que daria uma casa, comida e dinheiro, além de pagar uma empregada para cuidar das crianças.

    Compaixão até vai, mas sujar as mãos é demais para ela.

    • Pia says:

      “como nao posso ajudar com bens materiais
      ….posso ajuda nas minhas oracoes”
      -- 2023 likes

      Orar é perda de tempo!

      Lembrei do video do Izzy “você acredita em Deus?”

      Fica obvio que Deus odeia negros e pobres. Assim como odeia descrentes. É simples a lógica, não tem do que argumentar.

  6. André says:

    Kid escolheu “sim”, afinal, ele compartilhou. =D

  7. Lorrayny Carmo says:

    Aí a pessoa compartilha a foto mas n tem coragem de dar nem um pão para o mendigo q mora na msm rua q ela.

  8. Diego Matias says:

    É tão desgraçado que não sei nenhum se vale compartilhar esse post aqui.
    É uma galera cujo raciocínio não chegar além da ponta do nariz.

  9. Nicolas Fernando says:

    Essa tia do Carrossel é uma PEDÓFILA.NUNCA VI NINGUÉM NESSE PLANETA GOSTAR TANTO DE CRIANÇA!

  10. Henrique says:

    sombrios da internet, a coisa mais horrível que eu já fiz alguém fazer, e por TÃO POUCO. Já vi todo tipo de desgraça na internet

    Acho q vc quis escrever “eu já vi alguém fazer”

    Só para ajudar mesmo.

  11. Vinícius Martarello says:

    Infelizmente isso é feito sempre.

  12. Hell says:

    Uma amiga minha compartilhou no Facebook uma foto de cachorros sendo cozidos num panelão, mas ela esqueceu que a foto foi tirada na China e eles tem o costume de comer cachorros. Ia até comentar isso com ela, mas desisti. Vai que ela acha que eu também como cachorros ao molho pardo…

  13. Gustavo Alves says:

    Mais repugnante que essas chantagens emocionais em busca de mais público somente aquelas pessoas que escrevem uma frase “intelectual” lotada de gafes do mais simples português e pra completar a beleza, o digníssimo termina a frase colocando um espaço antes de colocar a pontuação final! (exemplo !!!)

  14. bruno says:

    o pior foi o comentario da “gergia santos” pqp desisto de viver

  15. William says:

    Izzy,
    Um de seus maiores sonhos de consumo da infância acabou de se tornar possível. Do que estou falando? HOVERBOARD baby, yeahh!!! O inventor Greg Henderson é um arquiteto e um dia o filho dele pediu pra ele um hoverboard, ao invés de simplesmente dizer que é coisa de cinema, o cara foi lá pesquisou e simplesmente construiu o Hendo Hoverboard. Tá rolando até uma campanha no Kickstarter e tudo mais… check it out https://www.kickstarter.com/projects/142464853/hendo-hoverboards-worlds-first-real-hoverboard

    Aqui estão alguns vídeos da parada funcionando
    " rel="nofollow">
    " rel="nofollow">
    " rel="nofollow">

  16. bianca says:

    Concordo completamente, é muita falta do que fazer…
    Até parece que eu compartilhando a imagem daria algum beneficio as crianças…
    Tal como a imagem que fala “Se vc ama a Deus Curta” ou “Se curtir vai ajudar tal criança de determinada doença”
    Se para cada curtida ganhasse sei lá uns 10 centavos pelo menos até valeria a pena ter muita…. e até eu faria… 😛