[ Além do Vídeo ] Como uma campanha de doação em prol de crianças despertou ódio

Vou ser breve neste aqui porque lidar com essa situação durante o fim de semana me deu uma úlcera já.

O vídeo é este:

Não gostei muito do thumbnail desse vídeo, aliás. Geralmente fico bem satisfeito com eles, mas essa pegada meio cor pastel não me agradou muito. Enfim.

Como tu já deve saber, a Suprema Corte americana liberou o casamento gay em todo os EUA. E amigo crente, eu sei que é difícil pra você aceitar que a lei permita algo que você considera pecado, mas você precisa admitir pra si mesmo que não faz sentido o Estado advogar contra direitos pessoais baseado no que a sua religião acha pecaminoso. Imagina se tatuagem, ou beber cerveja, divórcio, sexo antes do casamento fossem ilegais. Não faz sentido, convenhamos!

Acho, ou ao menos quero acreditar, que a maioria dos cristãos são pessoas boas, e com compaixão, e entendem que gays finalmente terem um direito que eu e você também temos não te afeta taaaaaanto assim. E a maioria das pessoas, após pensar um pouco sobre o assunto, vão concordar que se são humanos no Brasil ou na China que eram discriminados legalmente e agora não são mais, é um motivo para algum celebração, por menor que seja.

E muitas pessoas ao redor do mundo fizeram um pequeno gesto de celebração. Pra mostrar seu apoio aos seus broders gays, como uma pequena forma de dizer “eu tô ligado que tem um bando de filho da puta que te despreza mas é nóis na fita aí, parça“, eu e inúmeras outras pessoas mudamos nossa foto no Facebook pra mostrar o arco íris que simboliza a comunidade gay.

A minha ficou assim

Então. Algumas pessoas, absolutamente iradas porque seus amigos estavam mostrando apoio a um segmento marginalizado da população, resolveram contra-atacar com o despeito reacionário que esse tipo de gente geralmente mostra.

criança12

Essa imagem foi compartilhada milhares de vezes. A filhadaputice que mais me irrita é que a pessoa poderia MUITO BEM criar uma imagem semelhante, talvez incluindo informação de uma ONG que ajudasse a combater a fome na África, SEM precisar dessa passivo-agressividade de “bem, com os problemas REAIS no mundo vocês não se incomodam né. Já eu, por outro lado, é só ser chamado que ajudaria. Não tou ajudando ainda porque não chamaram, claro.”

E eu ainda pensei em elaborar um bom argumento pra responder a essa babaquice, mas eu achei que mesmo a mais eloquente desconstrução dessa babaquice reacionária não seria melhor que forçar os lixos humanos que postaram essa bosta na minha timeline a mostrar publicamente a sua hipocrisia.

Fui ao Paypal. Tinha uma graninha sobrando lá, 50 contos. Doei à Save The Children Federation, uma ONG que ajuda a dar apoio a crianças necessitadas ao redor do mundo (inclusive no Brasil).

Antes que você pense em contra-argumentar que “nossa Izzy doando só pra poder aparecer na internet que babaca“, invente um argumento melhor. Eu SOU babaca, mas não por isso. Sou um gordo idiota que vive falando merda na internet, e não pense que eu acho que doar uma mixariazinha (comparado ao que eu ganho num mês de trabalho) uma vez na vida me torna moralmente superior que ninguém. Eu sou provavelmente a pior pessoa da minha família. Eu sou um bosta. Estou ciente disso. Não estou tentando me imbuir de superioridade moral alguma. Se existir um inferno eu sei que estou indo pra lá.

Só que isso é irrelevante ao ponto que eu estou tentando fazer.

Após mandar essa grana pra alguém que definitivamente fará mais proveito que eu, criei a seguinte imagem:

FB

E soltei lá naquele antro desgraçado que eu já nem sei mais por que frequento chamado Facebook, junto com o link para a Save The Children.

O argumento é simples: ok, beleza, de repente uma criança morrendo de inanição (parabéns por usar essa imagem sem qualquer cerimônia pra fazer um argumento ideológico tão mesquinho, aliás!) é uma causa mais urgente do que gays podendo se casar nos EUA. Eu suspeito que na real ela não é tão urgente pra você, e que você está falando isso porque é um lixo de ser humano, mas darei a você chance de provar que eu estou errado.

E ADIVINHA O QUE ACONTECEU.

Subitamente, pipocaram nos comentários daquela imavem INÚMEROS malucos dando as mais variadas desculpas de por que não precisam doar para ajudar as crianças que eles disseram que ajudariam se os chamássemos. A medida que pessoas iam marcando na imagem os amigos que fizeram essa promessa, mais desculpinhas (algumas com notável ódio) iam aparecendo.

Todos os screenshots inclusos aqui são de pessoas que postaram a tal imagem da criança morrendo. Eu preciso deixar isso bastante claro: todas as pessoas abaixo disseram que participariam na causa das crianças com fome se fossem chamadas. Vontade de ajudar elas insinuam que tem, o que faltava era alguém chamar.

1

“Fodam-se aquelas crianças cara, quero saber se VOCÊ VAI DAR A BUNDA TAMBÉM RSRS SUA BICHA”

2

“Eu falei que participaria da ajuda, e estou participando: fazendo greve de fome”

chamamos

“Eu sei que botei uma foto dizendo que participaria de caridade se fosse chamado, e sei que estou sendo chamado, mas se é assim você tem que dar o cu antes rsrsrsrs”

ditadura gay

“Estou falando ‘ditadura gay’ pra ficar mais fácil de você automaticamente ignorar qualquer coisa que eu diga”

doo de casa

“Você estão ajudando, mas não estão ajudando O BASTANTE

eu ajudo tá eu ajudo tá

“Eu postei uma foto dizendo que é só ser chamada pra contribuir com caridade que participaria, e estou enfatizando que DE FATO JÁ CONTRIBUO pra que ninguém esqueça, mas vocês é que são os bobocas que querem aparentar engajamento”

eu falei q ajudaria mas nao vai adiantar entao nao vou ajudar

“Sim eu falei que ajudaria mas não vai adiantar nada mesmo então foda-se e a propósito, você é um animal por me convidar a cumprir minha palavra”

fdp

“Ok ajudaram a criançada na África mas NÃO AJUDARAM O BASTANTE AINDA”

gls

“Fodam-se as crianças que eu falei que ajudaria se fosse convidada: quero saber se você é bonzinho mesmo e doa pros gays também!”

Nessa a seguir eu já tava tão irritado com a onda de desculpinhas e xingamentos — olha essa. Estão xingando um cara que está tentando incentivar doações pra uma instituição de caridade — que perdi a paciência com essa idiota.

ja tava puto

“Quando eu falei que participaria se fosse chamada, o que eu quis dizer é que daria duas desculpas cretinas pra não participar”

nao é competicao

“Vocês são uns babacas por ficar anunciando por aí que doam pra caridade Ô MAS SÓ PRA CONSTAR EU TAMBÉM DÔO TÁ?”

tcc

“Você queria doação ou textão? Era textão, né? Então taí, conforme prometido”

tem que ser a instituicao que ele quer

?????????????????????????

Teve uma particulamente canalha, aliás. A página Dollynho Puritano (se o Mark Zuckerberg proibisse definitivamente que IPs brasileiros abram páginas no Facebook, isso seria de fato uma coisa 100% ruim?) se incomodou com meu convite, e disponibilizou essa montagem pra ser usada por quem quer continuar argumentando e ao mesmo tempo se omitindo a cumprir o que prometeu.

recibos

Enquanto isso, a turminha arco-íris sendo acusada de não se importar com as criancinhas com fome na África levantou mais de três mil reais em um dia de doações. Eu parei de contabilizar nos 3 mil, quando percebi que outras pessoas estavam postando os recibos nos comentários desse vídeo. Fiquei com preguiça de contabilizar tudo de novo. E aí eu percebi que a cotação do dólar tava em R$3,14, e que eu estava multiplicando por 3 pra facilitar a conta mas que no final ela ia ficar bem abaixo do valor final real. Entre doações vistas mas não computadas porque eu já tava cansado, doações que vi postadas em outros locais mas eu já tinha fechado o app da calculadora, e esse erro de câmbio, eu chuto que rolaram mais de 4 mil reais nessa campanha.

Em um dia.

Enquanto isso, vi UMA doação vinda de alguém que postou aquela imagem desgraçada — e uma outra doação que se revelou ser um photoshop.

E aí está o resultado que eu imaginava. As pessoas postando aquela foto e enchendo o peito num arroubo de “olha só esses burros, eu sim sei qual a REAL causa a qual precisamos nos unir” são nada senão hipócritas da pior estirpe. Não tinham nenhuma intenção de realmente ajudar se fossem chamados para tal, ou seja: estão cagando para os gays E para as crianças cuja morte eles erguem nas redes sociais como um estandarte ideológico.

Eu estou na internet há literalmente vinte anos, experimentando com bate papo na web desde 1995, mantendo esse blog já desde 2002, e vlogando desde 2008. Eu já vi MUITA babaquice na internet. Mas muita mesmo.

Já vi muita coisa escrota. Seria impossível catalogar todas as demonstrações de desgraçabilidade da raça humana que eu já tomei conhecimento através da minha conexão com a internet.

Mas ISSO AÍ foi o que finalmente me quebrou. Ver tanta hipocrisia, tanta gente usando imagens de uma criança morrendo pra se perfazer de bom samaritano (e recusar agressivamente ajudar de fato), e pior, ser ATACADO por tentar levantar uma grana em prol de uma causa nobre… esse texto era pra sair ontem, mas eu simplesmente não consegui escreve-lo.

Fui dormir ontem pensando “que bosta, amanhã terei MESMO que reler todos aqueles comentários malditos pra atualizar o HBD“. A falta de vontade era tamanha que pensei em escrever o post SEM inclui-los, o que eu sabia que seria uma omissão grave.

É preciso ler esses comentários. É preciso ver o que há de fato a falta de solidariedade desses canalhas. É preciso que a lição fique aprendida.

Porque não vai ser a última vez que alguém levanta a bandeira do “mas e as criancinhas da África! Com elas você não se preocupa né”. E na próxima vez você vai poder esfregar esse texto na cara dessa pessoa e dizer “cale a boca, porque quando o tipo de pessoa que faz esse argumento tem a oportunidade de provar que de fato se importa, o que ouvimos são desculpas e xingamentos”.

E que alívio poder fechar essas abas do Facebook aqui e nunca mais ter que ler essa enchente de chorume.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

23 comments

  1. Parabéns por ter mudado a vida de tanta gente, não só pelas doações como pelo apoio as pessoas comemorando. Parabéns também por ter pixelado os nomes, eles sabem quem são, eles sabem que a hipocrisia deles está estampada pra sempre na internet, e agora terão outra chance de mudarem de opinião e assumirem seus erros.

    Ainda é muito cedo para este tipo de ódio morrer, mas este post, assim como os avatares, trouxeram paz de espírito para os simpatizantes do casamento gay.
    Parabens Izzy.

  2. Izzy,

    Excelente texto, excelente campanha.

    Independente da sua intenção quando fez a doação, mobilizou uma galera para ajudar também.

    Eu fiz minha doação, e meu namorado também fez.
    Além disso, faço uma modesta doação mensal para uma instituição da minha cidade.

    Conheço várias pessoas que frequentam igrejas, vivem cagando regras e se dizem exemplos a serem seguidos, que não ajudam e não se preocupam com ninguém além deles mesmos.
    Aliás, doam dinheiro sim… Para as igrejas. O que é um absurdo sem tamanho.
    Imagine se esse dinheiro todo que está nas mãos desses pastores fossem utilizados para combater a fome na África, no Brasil, ou em qualquer lugar…

    É uma pena que com este tipo de gente não tem diálogo. Eles se agarram a um livro que foi escrito há sei lá quantos mil anos, e acham que está tudo certo.

    Enfim, só queria dizer que compartilho da sua revolta, e que estamos na luta!

    Quem sabe um dia teremos igualdade social, de gênero, de raça e etc….

    Grande abraço para você e para a Bebba.

  3. Eu sei que gente babaca tem em qualquer lugar do mundo, afinal o ser humano é babaca por natureza, cabe a nós colocar nossa babaquice em segundo plano em pról de uma vida melhor. Mas é impressionante o número de babacas por m² presentes no Brasil. Por essas e outras eu tenho vergonha de ser brasileiro…

  4. Parabéns pela presença de espírito de bolar uma resposta tão apropriada à hipocrisia quanto chamar os hipócritas a praticarem o que discursam! Uma das melhores coisas que já vi na Internet.

    Apenas para constar: não acho que seria necessário “pixelizar” os nomes dos cretinos. Além de serem comentários públicos, seria um bom castigo para almas tão sebosas.

  5. Po Izzy, muito bom esse texto cara, pena que você teve que passar por tudo isso por tentando apoiar uma causa nobre, mas fazer o que, tem babacas em todo canto. Kid releva isso e esquece eles, já se estressou de mais e fez seu trabalho. 😀

  6. Me sinto tão fraco.

    Eu literalmente não entendo, eu literalmente não sou capaz de entender o pq alguém publicaria aquela imagem no feed do seu facebook, não sei o q passa pela cabeça dessas pessoas.

    Meu primo postou essa imagem e meu coração quebrou broder, aposto q td mundo q postou essa imagem só postou para ser do contrário, para ser especial, para ser intelectual.

    I just.

  7. Izzy, apaludi, e muito, esse seu texto no face

    “Bom, eu não tou fazendo muito porque meus meios são limitados. Mas ouvi falar de um governo em um país sulamericano que tentou resolver o problema da fome, e foi pesadamente criticado pelo mesmo tipinho conservador cristão tradicional que você, então… (…) Estou apenas apontando o inegável: é curioso que AGORA, SUBITAMENTE, essa galera que é historicamente contra redes apoio social está preocupada com pessoas passando fome.”

    Quanto mais vejo essa galera do “Deus, nação e família (tradicional)”, sinto tristeza dessa galera que tem tudo, menos amor à Deus, à nação e muito menos a uma família.

    Sou cristão, no caso adventista, e apoiei a ideia de casamento civil gay pelos mesmos motivos apontados por você neste texto: embora a religião diga que homossexualismo é errado, o Estado não tem o dever de julgar uma decisão de cunho pessoal deste tipo; o estado tem o dever de cumprir com as suas obrigações ao povo e garantir direitos civil iguais a todos, independente de credo, cor de pele, nacionalidade, opção sexual, o que for. E, acima de tudo, o meu, o seu, o nosso dever como cidadãos é respeitar o seu próximo.

    “Deus, nação e família” (e seus derivados) é o lema daquele seu amigo que ta levando a gente pro buraco.

  8. Izzy, te admiro imensamente por ser capaz de revirar essa fossa humana pra mostrar quem são esses hipócritas. Independente do motivo pelo qual você fez sua doação, você ajudou alguém de verdade enquanto esses idiotas só fizeram despejar ódio e poluir a internet com chorume. Quanto a esses que comentaram, a vergonha já pulou da ponte mais próxima…

    1. Opa, só pra não ficar mal entendido, esses sujeitos que compartilharam essa imagem horrenda e quando foram cobrados a ajudar não fizeram nada e ainda despejaram essa pororoca de chorume é que fizeram a vergonha se jogar da ponte.

  9. Tenho verdadeira repulsa por essa mania de querer opinar na vida dos outros, de apontar o dedo e criticar decisões e comportamentos que dizem respeito estritamente à esfera pessoal.

    De maneira semelhante, tenho uma raiva enorme quando vejo pessoas falando “e se meu filho ver isso? Que que eu vou falar para ele”. O filho é seu, porra, que que eu tenho a ver com a educação dele? Spoiler alert, ele verá coisas muito piores durante a vida, é obrigação SUA explicar da melhor maneira possível para que ele entenda.

    Essa imagem da criança faminta realmente me desconcertou. Vi pessoas postando que eu SEI que estão pouco se fodendo para aquilo. Foi nojento.

  10. Izzy, acompanho seus textos a muito tempo e vejo como eles vão ficando cada vez melhores com o passar do tempo. Parabéns.

    Esse texto desmascara totalmente o quanto de hipocrisia as pessoas guardam dentro delas.

    Não sei como você consegue suportar isso, mas continue assim.

  11. Que horror. Esses caras só podem estar querendo aparecer pelo lado negativo, ou seja, dizendo merda. Quem realmente tem interesse em ajudar as crianças está fazendo algo e não tem tempo de ir ao facebook atacar quem comemorou a aprovação do casamento entre homossexuais.

  12. Izzy, acompanho seus post a demasiado tempo e tenho orgulho de dizer que semanticamente esta sua opinião foi em seu total de encontro com a minha.
    É muito fácil do conforto da poltrona as pessoas editarem e compartilharem estes tipos de imagens deprimentes as custas de ganhar compartilhamentos como se fosse o pagamento pelo tempo empregado a esta pratica.
    Agora duvido que façam parte deste gesto da doação, já que quando lhes é tirado algo, nem a resposta eles dão.
    Excelente post e mais uma vez parabéns pela atitude em ceder o seu capital por esta campanha.

  13. Izzy, Antes de tudo queria te parabenizar pela iniciativa e acredito que toda a boa causa mereça um parabéns. Sou evangélico e devo dizer que não entendo a lógica daquela imagem, acredito que que o amor deve prevalecer(desde que as partes estejam de acordo kkkkk)e não devemos julgar ninguém. uma vez com duvidas sobre o assunto perguntei ao meu professor ele me mandou ler todos os livros em que Jesus aparece(em carne e osso, não em espírito)e na outra semana ele me perguntou sobre o que eu li a respeito de homossexuais e prostitutas e o que Jesus dizia sobre eles, e não há nada, ele me falou que Jesus nunca obrigou e nunca obrigaria ninguém a fazer o que não quer e que todos os milagres foram feitos porque as pessoas o procuraram. Depois de refletir um pouco e usar muito daquilo que eu já julgava certo(Eu só procurei meu professor pois estava em duvida, pois eu via muito discurso conta e não aceitava o fato de amar o próximo vinha do mesmo grupo que só não queimava gays por ser ilegal). Isso foi uma grande vitoria da luta de direitos iguais, mas ainda se tem muito ao que lutar.

  14. Atualmente qualquer coisa já gera uma grande avalanche de ódio naquele grande bosteiro chamado facebosta. Principalmente quando junta religião, quando junta brasileiros (a escória da Internet, como disse um texto do Meiobit. E depois desse evento, não tem como não discordar) e, muito principalmente, quando junta evanjegues.

    Sorte minha que Mark Zuckerberg bloqueou minha conta naquele enorme bosteiro. Jamais imaginei que ficaria tão grato por um block.

  15. Pingback: Blog do Lucho
  16. Você acaba de ganhar um leitor.

    Aliás, na próxima vez, deixa os dados dos retardados expostos. Artigo V da constituição neles!

    Favoritado!

  17. Ótimo texto! Falou tudo e mais um pouco do que penso também. Essa lógica ilógica deles só mostrou o quão nojentas e hipócritas são as pessoas que disseminam o ódio sem fundamento.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *