Daily Vlog: Sujeito comeu e não pagou, restaurante xingou muito no Facebook!

Olhaí um vlog novo, turma! Vamos assistir juntinhos aí:

Como sempre, imploro: deixe joinhas, favorite, espalhe o vídeo entre seus amiguinhos pra ajudar essa porra a crescer. Quanto mais feedback um vídeo recebe, mais empolgado eu fico pra criar mais. Não te custa nada, porra! 😀

Caso você prefira assistir no youtube, basta clicar aqui!

Grato e tenha um belo dia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

7 comments

  1. Tem que foder o Filho da puta mesmo !…

    Se o serviço nao é bom iam foder o restaurante, nao é?…

    Chumbo trocado nao doi….ja dizia a vóvó

  2. No Brasil, essa mania de comer e sair sem pagar era famosa há alguns anos atrás especificamente nas confraternizações do dia do advogado, comemorado pelas turmas de direito das universidades públicas (EU MESMO cursava Eng. Civil na UFMS e tinha amigos no Direito e convivi com eles na época em que eles -- a tura toda -- faziam isso).
    Eles simplesmente iam em turmas de 20-30 pessoas em restaurantes, comiam e bebiam e, sem mais nem menos,sumiam sem pagar a conta.
    Os donos de restaurantes chegavam a fechar as portas no dia do advogado com medo de serem vítimas desse golpe famoso. Naquela época não dava em nada. Hoje acho que não iriam se dar bem, não.Acho que isso nem existe mais, mas naquela época era moda!!!!

    1. Ainda existe essa tradição que se chama Pindura, é aplicado no dia 11 de agosto por estudantes de direito. Existe um motivo para ninguém ser preso, que é uma brecha na lei. Alias o dono do restaurante pode chamar a polícia e conseguir os dados dos estudantes para cobrar o valor judicialmente.

  3. Para mim isso é legitimo. Isso não era só malandragem, é crime também.

    Isso me faz lembrar que na Espanha existem cobradores divida profissionais. Quando alguém da calote em uma empresa ou loja e insiste em não pagar. A loja contrata um desses cobradores, eles se vestem de toureiro, palhaço ou de outra forma chamativa e seguem o sujeito para todos os lados na rua. Até entram em mercados e restaurantes. Como lá todo mundo conhece essa forma de cobrar, o cara passa vexame em todos os lugares. Pelo menos até pagar o que deve.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *