Atrasou por causa daquele dramalhão do computador novo, mas aí está.

Há um erro de continuidade no vídeo. Alguém sabe onde está, e qual a razão dele? Deixem suas teorias nos comentários.

Mais processo por causa de opiniões veiculadas na internet, político brasileiro tentando criminalizar jogos “ofensivos”, Orions: Legend of the Wizards no iPhone, e recadinhos do tuíter.

Mande essa porra pros seus amiguinhos nerds, porque é de lascar aumentar a frequência da produção e não ter nenhum retorno.

Vejam bem – não gosto fazer promessas à toa que eu talvez não possa cumprir por motivos maiores, maaaaaas gostaria de informa-los que eu estou levando o HBDtv mais a sério (e todos os meus projetinhos online, aliás) e que se eu conseguir arrumar minha agenda de forma eficiente, o HBDtv se tornará um programinha semanal.

Espero que tenham curtido. Se você mostrar essa merda pra ao menos UM amigo nerd, o esforço terá valido a pena.

[ Adendo ] Tanto aqui quanto no twitter a moçada me perguntou porque falo “corto” se não há ninguém operando a câmera.

É simples – aquilo serve como um marcador. Quando estou editando, aparecem duas trilhas no Sony Vegas – a de vídeo, e a de áudio. Quando erro, paro, berro uma única palavra rapidamente, e dou outra pausa, na linha do áudio o momento em que eu errei fica nitidamente visível por causa do pico sonoro provocado pelo “CORTA!”, que é seguido de uma pausa.

Por isso, sem sequer assistir o vídeo eu bato o olho na track de som já sei exatamente onde rolaram os erros. E saiu cortando o vídeo. Antes eu tinha que assistir TUDO pra saber exatamente onde errei, e o momento EXATO dos erros. O berro de corte resolve isso.

Olhaê, nem demorou tanto dessa vez!

Sim, essa versão é um pouco mais curtinha. Como expliquei no final, ultimamente eu não tenho mais todo aquele tempo livre de outrora, e por isso eu farei umas experimentações com o formato do HBDtv, pra talvez permitir uma frequência um pouco maior.
Continue reading

.swf?clip_id=6293113&server=vimeo.com&show_title=1&show_byline=1&show_portrait=0&color=&fullscreen=1″ />.swf?clip_id=6293113&server=vimeo.com&show_title=1&show_byline=1&show_portrait=0&color=&fullscreen=1″ type=”application/x-shockwave-flash” allowfullscreen=”true” allowscriptaccess=”always” width=”400″ height=”270″>

HBDtv#11 from 91″>Izzy Nobre on Vimeo.

Tardei mas não falhei (ou melhor, falhei em uploadear o arquivo pro youtube, que anda cada vez mais intransigente banindo vídeos com trechos de músicas “não autorizadas”).

O décimo primeiro episódio do HBDtv trata sobre o vexame que a Xuxa andou dando no twitter, o papelão aparentemente racista da filial polonesa Microsoft, e joguinhos. Assista logo essa desgraça, diga o que você achou e recomende a ao menos um amiguinho nerd.

Demorou pra caralho, mas cá está.

Não quero prometer categoricamente que o HBDtv está de volta de vez, mas posso afirmar com segurança que estou bastante animado a retomar este projetinho.

Este episódio esteve disponível no youtube pelos últimos dois dias, então boa parte de vocês já deve ter visto. Pros que ainda não viram, aí está.

E lembrando novamente – você pode usar o iTunes pra gerenciar os episódios ou até mesmo baixar direto pro seu iPod usando o nosso feed especial pra isso.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...