Meu segundo livro, Crônicas da Sex Shop, vem aí! Mas antes…

Photo 7-26-2014, 8 32 27 PM

…vocês sequer querem essa merda?

É o seguinte. Como vocês talvez saibam, eu lancei um livro. Ele era uma reedição e revisão de alguns dos meus textos mais comentados aqui no site. Com quase 25 mil downloads, eu o considerei um belo sucesso.

Chegou a hora de escrever meu segundo livro. Crônicas da Sex Shop abordará o período de quase 3 anos que passei trabalhando durante o turno da madrugada numa loja de artigos sexuais aqui no Canadá. O prefácio e o primeiro capítulo estão aqui, caso você esteja curioso pra ver como está saindo.

Então. Ao contrário do primeiro livro, este vai me custar um investimento mais significativo — tanto de tempo quanto de dinheiro, pois quase todos os artigos serão inéditos (10 inéditos, e alguns capítulos adicionais de reedições de histórias da sex shop que eu já contei aqui no blog). Além disso, também contratarei o artista que fez a capa do primeiro livro pra desenhar as ilustrações de cada capítulo.

Pra você ter uma noção do tipo de história BIZARRÍSSIMA que contarei no livro, eu fui convocado pela polícia pra testemunhar num julgamento de assassinato que aconteceu lá. Eu não estou brincando, e tenho até documentos oficias sobre o julgamento que pedi autorização da polícia local pra incluir no livro.

Resumindo: se você curte meu trabalho, é possível que você vai gostar desse livro. Mas antes de me dar ao trabalho de terminar essa porra e contratar editor/revisor/diagramador pra produzir um negócio bonitinho e artista pra fazer ilustrações, preciso ter uma idéia do interesse.

Planejo lançar o livro em todas as lojas virtuais possíveis (iTunes iBookstore, Google Play, Amazon, tudo mesmo — o que complica/encarece um pouco mais a produção do que soltar um epub gratuito e mal formatado no meu site, porque precisarei terceirizar isso aí).

Responda COM TOTAL HONESTIDADE a enquete abaixo. É só uma perguntinha, bem fácil de participar neste exercício democrático.

Pretendo, considerando os valores que tenho em mente pra produção e lançamento do livro, quero cobrar míseros US$5 pelo Crônicas da Sex Shop. Dá mais ou menos 10 reais, menos do que você paga por um lanche no McDonalds e a indigestão que este livro te dará será menor mesmo que você coma o seu Kindle.

Fui desafiado a lançar esse livro antes do final de 2014. O que vocês acham?

Ah, caso não tenha ficado claro: só versão digital. Não há nenhum plano pra versão física (não estou por dentro dos trâmites necessários nem tenho contatos no mundo literário).

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

39 comments

  1. Cara voce pode fazer o seguinte:Se os dois livros forem um sucesso voce pode disponibilizar ele na versão impressa o que seria muito legal

  2. Olá, Izzy

    Posso dizer que eu realmente acompanho seu trabalho há muito tempo. Para você ter uma ideia, eu ganhei meu “novo Orkut” em um sorteio aqui no seu site, hehe. Faz tempo, hein.
    Bom, é legal saber que você vai lançar um livro, e pode ter certeza que eu compraria um pra mim e ainda muitos outros para dar de presente.
    Não vou me alongar muito, apenas vou te oferecer os serviços da minha empresa para editorar seu livro. Abri a empresa há poucos meses com minhas duas irmãs, nosso site está em desenvolvimento e ontem mesmo publiquei nossa página no Facebook. Posso dizer que temos um currículo grande no mercado editorial, se se interessar, podemos conversar por e-mail.
    Grande abraço

  3. Eu li o prefácio e os dois primeiros capítulos quando você disponibilizou recentemente e gostei muito do que li. Já falei com você no Twitter, disse que compraria com certeza. Agora respondi a enquete, e venho novamente aos comentários dizer que sem dúvidas, no momento em que você disponibilizar o livro, eu vou comprá-lo. Um abraço, Izzy! Tudo de bom.

  4. Ansiosíssima! Se vier bonitim mesmo, eu compro. Mas queria muito o físico.
    Já tentou mandar pra alguma editora?
    O primeiro é engraçado pra caralho! Os engarrafamentos, na época em que estava lendo, eram divertidos.

    1. São referentes a outro trabalho (produzir vídeos e textos no meu site).

      A sua lógica é como dizer que se um sujeito já tem um salário, toda e qualquer outra atividade que ele desempenhe (por mais que dê trabalho) deveria ser feita de graça…?

  5. Eu super compraria por 10 reais, Izzy! Já li o seu primeiro livro (foi como conheci vc) e pagaria pelo segundo com gosto.

  6. Compraria seu livro facilmente. O primeiro foi ótimo, deixa você querendo que você passe por mais merdas pra escrever no livro hahah

  7. Sem planos para uma versão impressa ? Edições digitais são mais fáceis de se publicar eu concordo, mas uma obra palpável não te traz um apelo maior? De qualquer forma comprarei a versão pro Kindle.

  8. Caro Izzy,tenho 13 anos,e meu pai não ficaria muito orgulhoso em me ver lendo ”crônicas da sex shop” então não teria como eu comprar,obrigado

  9. Só para informar, o Google Play brasileiro ainda não permite escritores independentes, sem editoras. O americano sim, todavia isso vai limitar bastante o acesso do público lusófono…

  10. Compraria com toda certeza, a unica coisa que poderia me impedir de comprar seria a Moeda, pois não possuo cartão internacional, se estiver disponível na Amazon em Reais eu compro.

  11. pagar por livros digitais ainda não rola pra mim

    faltou a opção: compraria (apenas se rolasse físico).

    vejo que tem mais gente nesse barco

    1. Amigão, no livro físico tu paga o material e o intelectual, e no digital praticamente só o intelectual, qual a diferença?

      O mundo evoluiu, simples.
      Gosto de livros de papel também, claro, mas se um livro que eu queira ler existir só no modo digital eu vou ler também uai.

  12. Foda não ter cartão internacional :/
    se der pra rolar um boleto.
    Pra fazer um cartão internacional aqui no Brasil precisa ou ser universitário ou ganhar usn 4 salários mínimos.

  13. Parece que la matar eh mais enconta… prisao confortavel e sai em 10 anos se tiver bom comportamento mesmo recebendo perpetua. Aqui seriam 6 anos pra chegar embora viveria num inferno

  14. Olá Izzy, força ai pra lançar o livro. Se possível libere uma forma qualquer que seja de pagar o mesmo valor em moeda nacional por uma via que não envolva cartão internacional. Aproveito para me oferecer para o cargo de revisor, trabalho como redator publicitário, e consequentemente revisor, a cerca de um ano e meio.

  15. Eu votei que não por que geralmente a única forma de pagamento que tem disponível é paypal ou cartão e tal.. meios de pagar pela internet -- de forma facil, PRA MIM -- é só pelo pagseguro, e acho que não vai ter essa opção.

  16. Cara eu adoraria comprar mas tenho 12 anos e se eu pedir o cartão de crédito do meu pai para comprar um livro chamado “crônicas da sex Shop” eu tomo uma surra

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *