Portuguese Challenge feat. Bebba: Como uma gringa lê Dom Casmurro?

Olá, amigos vindos do Não Salvo. Boa tarde.

Eu moro no Canadá. Minha adorável esposa, como alguns sabem, é gringa. E ela manja um POUQUINHO de português — ela compreende bastante da língua falada (ela assistiu Cidade de Deus sem legenda e entendeu uns 40% da trama), mas fala um pouquinho só.

Decidi colocar os conhecimentos dela da bela língua lusobrasileira à prova. Eis minha mulher tentando ler DOM CASMURRO!

Não seja FDP como eu — evite rir muito dela.

E a quem pergunta, ela tem um sotaque meio nordestino porque EU sou nordestino, e como ela aprendeu português através de mim, ela acaba simulando o meu sotaque!

Como sempre, imploro: deixe joinhas e/ou favorite o vídeo pra me ajudar essa porra a crescer. Quanto mais feedback um vídeo recebe, mais empolgado eu fico pra criar mais.

Já ouvi as sugestões, e vou legendar o próximo vídeo dela 😀

Grato e tenha um belo dia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

28 comments

  1. Fala, Izzy. \o/

    Cara, a Bebba falando em português, em muitas palavras, parece até uma carioca huahuahuahuahua Os “s” saindo como “x” ficaram muito engraçados huahuahua

    Muito bom, hein!

  2. Hahaha, que dó! Você chegou a explicar pra ela o que significava pelo menos a parte que ela leu? 🙂
    (Acho que Dom Casmurro é mais ou menos da mesma época que Reinações de Narizinho sim, que é por volta de 1910.)

    1. Concordo! Coloca “Psicologia de um vencido” pra ela ler. Vai ficar MUITO engraçado se ela conseguir ler inteiro.

      Aqui o poema:

      “Psicologia de um vencido

      Eu, filho do carbono e do amoníaco,
      Monstro de escuridão e rutilância,
      Sofro, desde a epigênesis da infância,
      A influência má dos signos do zodíaco.

      Profundíssimamente hipocondríaco,
      Este ambiente me causa repugnância…
      Sobe-me à boca uma ânsia análoga à ânsia
      Que se escapa da boca de um cardíaco.

      Já o verme — este operário das ruínas —
      Que o sangue podre das carnificinas
      Come, e à vida em geral declara guerra,

      Anda a espreitar meus olhos para roê-los,
      E há-de deixar-me apenas os cabelos,
      Na frialdade inorgânica da terra!”

  3. Ah, ela é uma linda, e você gosta de judiar, realmente Izzy! hahahaha

    Para o próximo vídeo, um poema seria legal (como disse o Tiago ai pra cima), com as entonações e tal… Ou, já que ela tá entendo sacanagens nos livros, dá logo um conto do Nelson Rodrigues que tem sacanagem de verdade kkkkkkkk

  4. Acho que provavelmente o que você deve fazer ela ler é Grande Sertão: Veredas, do Guimarães Rosa. O vocabulário é difícil pacas.

  5. Pede para ela ler a estória de Pedro Paulo:

    “Pedro Paulo Pereira Pinto, pequeno pintor português, pintava portas, paredes, portais…”

    E estória é gigante e é toda com P. Ótima para curso de datilografia, pois o P é uma letra difícil de digitar (é pressionada com o mindinho).

  6. Se ela não tivesse tão tímida(?) teria lido bem é bem compreensível o modo como ela fala apesar de alguns erros, ao contrario de alguns brasileiros que tentam ler em inglês e sai algo totalmente incompreensível

  7. Ela lê muito bem, na verdade.

    Acredito que, se for para aprender português, ela deveria ler coisas mais infantis e com recursos visuais, como os gibis da turma da Mônica.

    Dom Casmurro não é revisado há um bom tempo e tem termos que muitos brasileiros/portugueses não conhecem, apesar de ser um ótimo livro.

    Eu sou professor de língua portuguesa e, na escola, aconselho que alunos um pouco mais velhos leiam livros como esse, Machado é fantástico, mas é preciso um pouco de maturidade intelectual para se deliciar com ele.

    No caso da Bebba, acredito que o problema não é a maturidade intelectual, mas o pouco conhecimento de língua, pois ela comentou com você que não fazia a mínima ideia do que estava sendo contado ali.

    Mas… se for para trollar… bom…. Dê trava-línguas, por favor!hahaha. Vai ser foda vê-la lê-los e se enrolando toda.

  8. Coloca ela pra ler Grande Sertão: Veredas. Se pra gente q fala português desde pequeno é difícil de entender, imagine pra ela.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *