REVOLTANTE: Radialista humilha moradores de rua ao vivo em seu programa. Adivinha o que ele fez!

Opie and Anthony são uma dupla de radialistas americanos que alguns fóruns gringos que eu frequento (ou frequentava, ando sem tempo pra fóruns) parece idolatrar unanimemente — até recentemente. No momento os caras estão sendo odiados por boa parte da internet.

Pelo que captei do contexto, eles fazem o papel típico de “radialista polêmico meio arrogante e cheio de razão que às vezes arrisca fazer humor”. Algo como o Adam Carolla ou o Ralph Garman — duas referências mais dispersas que um peido na ventania, já que nenhum dos dois é muito conhecido no Brasil.

Não sei quando misantropia virou sinônimo inquestionável de humor ou de infalibilidade moral; culpo o George Carlin e humoristas que seguem a mesma linha (o Doutor House da TV tem uma pitada de culpa também, aliás). Não que haja algo de errado com esse tipo de comédia ou personagem — o problema é que ela inspira wannabes sem talento a concluírem que crueldade é inerentemente engraçada, dispensando o timbre e o timing cômico pra fazer essa caricatura funcionar.

Enfim. O loirinho aí em cima é a parte “Opie” da dupla. Conhecia bem pouco do rapaz quando comecei a escrever este post e continuo não sabendo tanto assim, além do fato de que ele é um desperdício de órgãos funcionais cuja maior contribuição para a raça humana será o dia em que o vazio de sua vida miserável o faça apontar uma arma para a própria cabeça e puxe o gatilho. E se posssível dentro duma banheira ou algo assim, pra não incomodar tanto o responsável pela limpeza.

O motivo de minha completa e absoluta repulsa por este excremento humano é o seguinte. Desde 1999, os radialistas inventam quadros polêmicos pro seu programa de rádio. Quão polêmicos, você me pergunta? Bem, esta dupla dinâmica que é a prova cabal da inexistência de uma divindade benevolente gosta de explorar a miséria de moradores de rua para o próprio deleite.

Lembra quando aqueles malucos atearam fogo no índio em Brasília e usaram a defesa “é que a gente achou que era só um morador de rua“? Como se um desabrigado fosse um sub-humano que não merece a gentileza de não ser queimado vivo? Pois bem, então, estes dois desgraçados — me envergonho até de dividir a mesma gravidade com eles — transformaram esse espírito (“é um morador de rua, foda-se”) num verdadeiro show de horrores.

E pior, com milhões de fãs e inúmeros patrocinadores.

Então, sobre os moradores de rua. Em 1999 estes futuros portadores de câncer de cu (cruzemos os dedos!) deram início ao Homeless Shopping Spree, um evento em que dão uma grana na mão de mendigos, colocam-nos num shopping e saem gravando os caras. É um freakshow do caralho que tem a intenção única de ridicularizar a condição do morador de rua (há formas melhores e menos vexatórias de fazer caridade, antes que você me venha com esse argumento).

Mas isso não é o bastante. Eles gostam de ridicularizar mendigos em formato freestyle, sem a necessidade de um evento e de uma logística ao redor da humilhação.

O vídeo abaixo faz meu sangue entrar em ebulição quando o assisto. Ele é constantemente deletado do YouTube; se for o caso, procure usando os termos “Opie Cake Stomp

É o seguinte. Alguns desses mendigos que se submetem às humilhações da dupla (o cara que não tem nenhuma outra opção na vida acaba se sujeitando a essas indignidades em troco de algumas migalhas mesmo, infelizmente) são figuras já conhecidas pelos apresentadores. Este homem, no caso, é o Homeless Andrew. Ele apresenta problemas de dicção; como é o caso com muitos moradores de rua, é bem possível que tenha problemas mentais.

Os radialistas notam que o padrão de fala do Andrew é meio não-convencional e perguntam se ele está bêbado. Ele diz que bebeu na noite anterior, mas que está sóbrio — o que confirma minha crença de que seu padrão de fala é por virtude de algum distúrbio neurológico.

Estes dois vagabundos que um dia presentearão a raça humana com as próprias mortes reparam uma caixa ao lado do mendigo e perguntam o que tem lá dentro. O mendigo abre a caixa orgulhosamente, mostrando um bolo. Num momento que, em retrospecto, torna o vídeo ainda mais deprimente e revoltante, o Andrew diz “treat yourselves!” (algo como “pega um pedaço aí!”) e oferece o bolo pra eles.

Este sujeito, que está vestindo basicamente 80% das posses que vem nessa vida maldita, que provavelmente é do tipo que não sabe exatamente o que terá pra comer até o fim da semana, ofereceu o bolo pros radialistas. Por sua interação semi-frequente com eles, Andrew vê os algozes como amigos.

Um dos radialistas menospreza a oferta do mendigo, dizendo “eca, eu não, come você, rsrs”. O outro, o Opie, cuja alma é mais suja que o filtro de um aquário que não é trocado há 7 meses, sugere que ele coloque o bolo no chão rapidinho “só pra eu ver um negócio aqui”. O mendigo obedece.

O radialista vai e pula com os dois pés juntos em cima do bolo.

cake stomp

De forma grotescamente previsível, câmera e microfones se voltam imediatamente para o morador de rua, pra registrar e explorar a desgraça dele naquele momento. Tudo que o Andrew consegue dizer é “pô… isso foi sacanagem…” com uma voz completamente derrotada. Em seguida ele tenta apontar pros desgraçados que “earned that [cake]“, ou seja — ele “fez por merecer ter aquele bolo”. Não é imediatamente claro o que ele fez pra conseguir o bolo — um dos filhos da puta insinua que ele teria tirado do lixo –, mas a expressão deixa implícito que o bolo é o resultado de algum esforço por parte do rapaz.

Ai este dejeto humano lamentável que tem o valor aproximado daquela gosma que é o resultado do acúmulo de sujeira do corpo, pelos pubianos e colônias bacteriais que se encontra no ralo do chuveiro dá o último golpe na dignidade do Andrew — ele atira algumas cédulas de dólares na direção do mendigo.

Como se dinheiro substituísse o sentimento básico de decência humana. Você percebe que o Andrew tá tão anestesiado por esse ato de crueldade gratuita que, apesar de paupérrimo, nem faz esforço de pegar o dinheiro. Um contra-regra qualquer é que recolhe o dinheiro e põe no copinho do mendigo.

target=”_blank”>Ah, eles fizeram algo similar com esta outra moradora de rua, durante um “show de talentos de mendigos”. Repare a reação dela quando percebe que ninguém está apreciando seu talento, e que ela está ali pra servir de alvo de humilhação.

E não, não faz muita diferença que estão dando dinheiro pra substituir o patrimônio destruído. Ela não parece muito consolada pelo fato de que deram algum dinheiro pra ela. Sabe por que?

Ignore por um momento que essas pessoas já são vitimadas o bastante pela sociedade; se alguém te humilha no meio dos amiguinhos escrotos dele, apontando pra você e rindo, se aproveitando do fato de que você tem pouco ou nenhum recurso pra se defender, e depois fala “ahhh tomaí esse dinheiro e sai fora daqui”, como você se sentiria…?

Você se sentiria como o lixo humano que, ironicamente, os engraçaralhos por trás dessas crueldades é que são.

E pior é saber que tem quem defenda esse tipo de coisa.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

109 comments

  1. esse tipo de coisa que me faz ver, que as pessoas pobres, em sua grande maioria são pessoas melhores. Elas compartilham de mais valores e mais princípios, do que um bando de idiotas que acreditam que dinheiro e ”humor” barato valem algo, não sei se fico mais triste ou revoltado a ver isso é triste o modo como as pessoas ao redor tbm ficam paradas

          1. Vocês deveriam anotar os seus próprios nomes, provavelmente não intendem que só os tornaria pior do que eles fazer isso

  2. É triste ver gente prosperando com esse tipo de imundice.
    No Brasil existem programas similares. Eu ajo da melhor maneira que posso que é não consumindo essa bosta. Não assito, não leio sobre, não comento. pra mim é como se não existisse. Porque esse lixo é do tipo que acredita que qualquer atenção é boa, mesmo quando é pra falar mal deles, então nem isso eu faço.

    1. Eu ficaria contente apenas com um furúnculo no toba deles, nem precisar mais do que isso.

      Caras deprimentes… lembram um pouco aqueles do programa Pânico (faz muito tempo que não assisto, mas tinha uns quadros assim). Só que os caras aí parecem ser mais cruéis. Não se como isso virou humor.

      Estou de saco cheio de gente escrota que se acha engraçadona.

  3. “radialista polêmico meio arrogante e cheio de razão que às vezes arrisca fazer humor”… vou te falar que essa é a definição de boa parte dos “humoristas” que andam fazendo stand-up comedy no Brasil ultimamente, salvo raríssimas exceções.

  4. Li o seu texto e nem tive estômago de ver o vídeo.
    Fico impressionado o quão rasteiras as pessoas podem ser e dá medo saber que dividimos o mundo com gente desse tipo. E não são apenas 2 idiotas. Imagine a quantidade de fezes que apóiam esses imbecis …

    1. Idem. Fiquei tão enojado que nem tive coragem de assistir ao vídeo. É muita gente nojenta que existe nesse mundo. Tirar onda na boa, de alguém que tem chance de revidar, na hora ou depois é uma coisa, agora humilhar pessoas que já tem a dureza da vida (não interessa como chegaram lá) para açoitar, é muita filhaputice.

  5. Vixe Izzy, esse vídeo vai me deixar chateado pelo resto do dia :S

    Eu queria estar lá no meio da rua pra falar algumas pra eles.
    Mano que mer+a.. noss… fiquei bolado mesmo!

  6. É impossível se quer imaginar qualquer tipo de desculpa para fazer esse tipo de coisa, eu achei o segundo video muito pior, acabou com minha semana. Não são apenas esses dois radialistas que são merecedores desses adjetivos que você usou no post, até o funcionário mais básico que tem algum tipo de relação com essas escorias é igualmente merecedor de qualquer tipo de agressão verbal.

  7. Fala ae brother, beleza?
    Cara que porra esses caras tem na cabeça? Nada né… só pode… fico puto quando vejo esse tipo de coisa, parece que, melhor dizendo, é cada dia mais evidente que chegamos em um estágio em que o ser humano não vale 2 balas juquinhas desde que ele proporcione algum entretenimento para outra pessoa… Porra… sei lá, nem quero pensar nessa merda agora não… esses merdas merecem a lembrança durante uma bela cagada de fim de dia…
    Revoltante mesmo…
    Bom, anyway, continua com o bom trampo brother, fica na paz ae…

  8. É ridículo pensar que tem pessoas que são fans desses imbecis e que ainda por cima aprovam o que eles fazem. Tenho nojo de ver o que eles fazem com essas pessoas que acabam não tendo como se defender.

  9. Porra Izzy que merda =(
    Vontade de matar esses filhos da puta…
    Isso não é engraçado em nenhum nível, como existem pessoas que aplaudem isso?

  10. puta que pariu, cara, que coisa deprimente. É pior do que muito programa lixo que já vi. Nessas horas eu torço para que os espíritas estejam certos, e eles reencarnem como mendigos.

  11. sera que eles tem alguma coisa com o twitter, para que seus amigos de bolso, inclusive eu, possamos agir? que tal uma zoacao epica nesses merdas? o que vc armar eu to dentro

  12. Realmente esses caras são nojentos… Repugnantes,não entendo como que a sociedade permita que esses dois continuem apresentando esse show de horrores, quando na verdade deveriam estar presos.

    1. pensei a mesma coisa… não sei de onde tiraram que humilhar as pessoas (inclusive funcionários) é engraçado… mas a maioria do público é retardado mesmo, então…

  13. Simplesmente fiquei paralizado por pelo menos 10 segundos após o cara pular no bolo. Realmente não acreditei no que meus olhos me mostravam. Não creio que seja possível existir alguém com tanta crueldade. Poderiam ter mais gente como Vitaly(do canal Vitalyzdtv) que fez o extremo oposto desses caras. rel="nofollow">
    Isso sim é ajudar um ser humano e não somente jogar dinheiro pra ele.

    1. Porra, cara!
      Tava mal pra caramba pela merda que aqueles caras fizeram com o Andrew. Seu vídeo me ajudou bastante, obrigado mesmo!
      Abraço

  14. Cara, pior que nem sei o que comentar. Isso é TÃO NOJENTO que simplesmente não tem o que dizer…
    BTW, acho que eu pulava nas bolas desses caras, depois trazia um bolo e comia junto com os tios ali pra fazer uma companhia.

    1. 🙁
      E eu que fiquei imaginando que ele pode ter ganhado aquele bolo de alguma pessoa legal, sei lá, fico imaginando uma simpática senhora de uma confeitaria, que sempre o comprimenta e tal, e que deu um bolo pra ele.

      Esse vídeo me deu mta raiva, por isso o Izzy desejou câncer no rabo deles. Confesso que desejei tb, mas tentei amenizar a parada com um furunculo.

  15. Atitude completamente boçal… nem vi o vídeo pra não me aborrecer ainda mais…

    Mas realmente o que mais revolta é o apoio que esses idiotas recebem, seja por meio de fãs, patrocínio e etc. Esses tem a maior parcela da culpa!

    Grande abraço a todos!

  16. Que horror, fiquei mal só de ler o post. O pior é que esse tipo de “entretenimento” grassa cada vez mais aqui no Brasil. Deprimente.

  17. E-e-eu vou vomitar… Nem consigo pensar direito. Se isso acontecesse na minha frente eu, no minimo, xingaria todas as gerações desses caras e levaria o morador de rua pra comer em algum lugar bom e caro. Ou sei lá, eu to anestesiado…

  18. eu espero um dia ter bastante dinheiro para não ser preso e pagar os processos que eu receber quando atacar pessoas como essas,acho que eu viraria um animal e mesmo perdendo o dinheiro eu faria sentirem a repúdia da humanidade em seus ossos e dentes

  19. Nos comentários do youtube eu li argumentos de quem defende. E é ridículo. A melhor defesa deles é dizer “ah, mas a mulher foi várias vezes la, se submeteu a ser maquiada como a Britney e tava recebendo dinheiro por tudo isso. Deixem de ser estraga-prazeres e admitam que é engraçado e que ela é uma piada”.
    A mentalidade nojenta de quem defende os radialistas é essa. Acha que pode fazer qualquer coisa, já que tão pagando e que morador de rua, pra eles, é motivo de piada. Não sou religioso ou supersticioso, mas nessas horas eu gosto de acreditar que carma é uma vadia e que vai ter volta.

  20. Caralho, tô me tremendo de raiva. 🙁

    Realmente eles acham que dinheiro “compensa” a humilhação, mas tudo que esse pessoal deve precisar mais é de dignidade. Agora imagine que eles já tem a auto-estima lá embaixo (quando têm) e/ou como você disse algum problema mental e vem um FDP faz uma coisa dessas? Mano…

  21. A unica coisa que consigo pensar é em como eu gostaria de dar um soco bem dado na cara de cada um.
    Qual é o problema dessas pessoas? esse tipo de “humor” é nojento, é cruel, é desnecessário e estúpido.
    To aqui torcendo pro Karma desses dois vir a galope.
    E ainda tem gente que ri nas situações do vídeo…

  22. Porra quide. Fiquei foi deprimido ao ler o texto ;/ aquele sentimento de que a humanidade náo tem jeito bateu muito forte. E olha que eu nem consegui ver o video. Bateu o sentimento só de ler o texto. Náo teve ninguém q tentou fazer algo contra esse absurdo?

  23. “Bem, esta dupla dinâmica que é a prova cabal da inexistência de uma divindade benevolente”

    Vou tomar isso como euforia por parte da raiva explicável. Só assim mesmo.

  24. Chorei vendo esse vídeo e lendo o post. É de cortar o coração ouvir o Andrew dizer “That’s not nice, I earned that”

  25. Depois de ver o vídeo do Andrew eu realmente fiquei em choque. Não sei se é mania de estadunidense, mas esses caras aparecem nas piores babaquices quando se trata da relação com os miseráveis do país. Eles realmente parece que pensam que QUALQUER pessoa que está em condição de morador de rua, perde a “credencial” de ser humano e vira dejeto em via pública. É um absurdo.

    Pra compensar essa corja eu ficaria feliz em simplesmente levar o Andrew pra um abrigo, dar boa comida, umas roupas e encaminhar pra algum lar em que possa tratar sua doença ou dependência (caso seja dependente de drogas). Isso seria muito melhor que qualquer ataque físico à esses babacas, seria vingança com dignidade.

    Já que o Andrew está perdido por aí (programa de 2007, sem chances saber se ele tá vivo e etc), se você, como eu, ficou indignado, eu sugiro que faça algo por aqueles que necessitam e que estão ao seu alcance. =)

  26. Aos que falam de karma ou forças superiores punindo os idiotas, não sejam bobos. Existe uma forma de você acabar com esse comportamento, é e a forma que o Izzy escolheu por exemplo: expor e repudiar esses idiotas. Eles deveriam sofrer legalmente pelo que eles fazem, pra isso que serve -- ou deveria servir -- os direitos e a força punitiva do estado.

  27. Mereciam morrer queimados e com uma estrovenga giratória – e com espinhos – rasgando-lhes o ânus. Na verdade, nem morrer mereciam; deveriam cair no vazio eterno, assim apenas esses “representantes de toda maldade acumulada” teriam que aturar o fato de serem o que são. Acabaram com o resto do meu dia =(

  28. Caceta, esse é um level de filhadaputice q eu nunca vi antes.

    Dá nem pra defender os caras dizendo q pelo menos eles dão uma graninha, já q claramente eles não fazem isso pra ajudar ngm e dão no máximo umas 3 doletas.

    Q sacanagem.

  29. Na Moral,Se Eu Estivesse Naquele Local,Eu Dava Um Tapão Nesse Loirinho Filho De Uma Puta a Ponto Dele Se Ajoelhar Perante o Morador De Rua,E Chutar A Cabeça Dele em Cima Do Bolo E Fazer ele Comer,Depois,Pegaria o Morador de Rua e Compraria Uma Comida Decente com Direito A Suco E Tudo.

  30. Enquanto isso no Brasil…Mendigos são queimados praticamente toda semana no país e ninguém faz absolutamente nada!Que desumano!
    Quem faz esse tipo”BRINCADEIRA” só pode ter chorume na cabeça…

  31. Isso me leva a um nível Alborghetti de revolta. É foda desejar mal para os outros, mas como esses caras merecem apanhar por dez, bicho. Tem que mandar prá cadeia, principalmente esse Opie, com esse cabelinho loiro ia ser a bitch favorita dos companheiros de presídio.

  32. O que eu não entendo é como o mundo e a lógica do universo favoreça economica e socialmente tais filhos dumas belas meretrizes que pensam que podem pagar pela humilhaçao alheia e que se acham os seres dominantes da situaçao pq o sujeito tem poucas condições financeiras e ENQUANTO ISSO, a maioria dos pobres e moradores de rua, que são agraciados todos os dias com a filhadaputice da vida são os que têm mais caráter ou, no mínimo, educaçao e respeito por outros. Acho que o mundo favorece realmente os babacas. Pessoas de bem só se f…. mesmo :/

  33. E o pior, tem que gente que defende no youtube porque dão dinheiro em troca da humilhação!!!!!

    Sério, cabeça de bosta demais!

  34. De fato é irritante e até constrangedor ver este vídeo.

    E pela expressão do imbecil, ele parece mesmo acreditar que teve uma sacada genial ao pular no bolo.

    Mas mesmo sabendo que vai ter retaliação em cima destes vídeos, é bem provável que a vida profissional destes apresentadores continue seguindo sem maiores problemas.

    E a nossa também, um pouco mais ordinária agora que conhecemos estes filhos de umas p*tas!

  35. Da até raiva de ser humana ao saber que existem pessoas da mesma espécie que eu que são capazes de fazer coisas tão cruéis.

  36. Cara esse video estragou o meu dia. Por isso nosso grande amigo Azaghal diz com todas as letras: não gosto das pessoas. Ser humano é terrível mesmo. Kid, se um dia tu cruzares com esses vermes, mete uma porrada na cara deles!

  37. Nessas horas desejo fortemente que a mitologia esteja, por uma só vez, certa. E que um lugar especial no Hades, inferno, etc esteja aguardando-os. Campos da Puniçao. Tortura eterna. Justo.

  38. Aqui no Brasil tem o Pânico na Band. O Carioca, Ceará e Edu Sobrenome Esquisito são talentosos, mas o programa prefere a linha humilhação mesmo.

  39. Caro Izzy.

    Acho que você pegou pesado caro colega, pois é o seguinte:

    Se os responsáveis por essas atitutes fossem, cabras, lesmas, moscas, passaros, ienas, ou qualquer tipo de ser vivo que não da raça humana, eu até entenderia sua revolta.

    Mas são humanos véi, e de humanos você não pode esperar algo além disso.

    De animais você espera um comportamento exemplavel, mas humanos… é assim mesmo.

    Só se esquivar.

  40. Cara, eu não sou muito de ficar julgando as pessoas e tal, mas esses caras deveriam morrer da forma mais cruel e imaginável na medida do possível. Talvez se eles fossem torturados em Guantánamo eles aprendessem a ter o mínimo de respeito pela condição humana. Enfim, meu pensamento em relação aos homeless da vida é: se não puder ajudar, não faça sacanagem. Tristemente, o que eles misantropos realmente merecem é o tratamento que eles próprios estão dando aos mendigos.

  41. Aqui tá todo mundo num lindo discurso, mas ninguém comenta: “fiquei com tanta raiva que vou ali ajudar um morador de rua e já volto”

  42. Esse muito provavelmente foi o vídeo mais nojento que eu já vi, e inevitavelmente admito que desejo o mal para essa gente, mas mencionar suicídio dessa forma não foi muito legal, Izzy :c

  43. Acho que este texto merece uma “versão vídeo” no HBDtv, ou Daily Vlog, pra que mais pessoas tomem conhecimento deste absurdo.

    É revoltante! É desumano!

  44. Izzy voce sabe de alguma maneira que a gente possa ajudar o Andrew, se alguem criou um fundo de doação, alguma coisa? E queria saber também o que fazer pra foder com a vida desses dois

  45. Vamos denunciar o canal dele no Youtube, é o mínimo que podemos fazer, até que o canal saia do ar.
    Esse vídeo é do canal dele:
    rel="nofollow">
    Eu cliquei na bandeirinha de “Denunciar”, abaixo do vídeo e marquei as opções:
    Conteúdo abominável ou abusivo > Intimidação
    Vamos lá, 1 minuto e podemos ferrar um pouquinho esse idiota.

  46. nunca pensei que diria algo do tipo, mas eu adoraria ser hater desses filhos de uma puta, por mais que hater seja uma raça de gente medíocre, esses caras mereciam a existência do satã só para cutucar o buxo deles com o tridente.

  47. Caraio, nem consegui terminar de ler.

    Alguém enfia um arame enfarpado enferrujado no cu desses caras, por favor.

  48. Por isso eu não tenho vontade de ter filhos, tu faz um pivete, troca fraldas,alimenta, gasta dinheiro, cuida com carinho pra depois o pivete torna-se um lixo desses ou até pior.

  49. Caralho, izzy. Este poste meu matou por dentro cara. Se eu tivesse lá eu não tinha me aguentado e arrebentaria os dois caras. Puta, vc não sabe o quanto isso mexeu comigo.
    Parabéns pelo ótimo trabalho, sou seu mais novo fã.

  50. Não tive sequer coragem de assistir o vídeo, só seu relato me fez sentir tão mal, tão envergonhado de existir seres humanos, assim como eu, que são capazes de monstruosidades como essas. 🙁

  51. Esse vídeo ilustra bem o sentimento em relação a esses dois fardos de merda.
    rel="nofollow">

    “Espero que você passe duas semanas sem comer nada e, finalmente, quando você conseguir alguma comida, algum babaca pule em cima dela e te jogue uma nota de dolar.”

  52. Nossa eu não sei explicar em palavras como eu fiquei irritado e deprimido com isso, Izzy poderia me dizer se alguém entrou na justiça contra esses homens?

  53. É revoltante, mas não é uma exceção.
    A covardia da “imprensa” e de seus freakshows é assustadora.

    repare na diferença de tratamento a seres humanos de uma “Caras” qualquer e do Cidade Alerta. Não me venham com ” bandido blá bla´bla´. Como o Kid falou, é apenas a covardia contra os que não tem como se defender. E lamber as botas de qualquer imbecil que possua um helicóptero ou coisa que o valha;

  54. Cara, no começo eu achei que vc estava sendo meio fdp em relação ao jeito que vc falava dos dois, mas, sinceramente… foram poucos os adjetivos que vc atribuiu à eles.
    Caramba, como conseguem se assim? … Deu pra ficar meio mal lendo o post e que bom que eu não assisti o vídeo.

Leave a Reply to Laura Cancel reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *