Vamos fazer uma boa ação hoje? Conheçam o Rafael.

Como vocês já devem ter percebido, eu gosto muito de incentivar meus leitores/seguidores a praticarem o hábito da produção criativa, independente da modalidade: blog, vlog, desenho, música, etc. Na minha opinião, todo mundo tem algum insight sobre alguma coisa; e se você exteriorizar essa sua opinião, a internet é um lugar grande o bastante pra que você sem dúvida encontre pessoas que gostarão do que você tem a oferecer, e que passem a acompanhar o trabalho que você faz.

Comigo foi assim (e com todo mundo cujo trabalho da internet você gosta). Comecei um blog com zero leitores, um vlog com zero espectadores, um podcast com zero ouvintes. Não faço o melhor blog nem o melhor vlog do mundo — o podcast é o melhor sim –, mas há TANTA GENTE nessa internet que inevitavelmente várias pessoas propensas a curtirem o que eu faço acabaram esbarrando em mim. E se aliam numa considerável comunidade de pessoas que provavelmente ficariam tristes se eu um dia sumisse da vida deles.

Essa é uma das magias de produzir algo e jogar na internet pro mundo ver — conquistar, através das minhas bobagens, um séquito de amigos que eu nem conheço. É por isso chamo meus seguidores no tuíter de “amigos de bolso” — a compania de vocês (em literalmente qualquer momento do dia ou da noite) é algo inestimável, coisa de amigo mesmo, e que eu “comprei” através desse negócio de exteriorizar as merdas que ficam quicando aqui dentro da minha cabeça.

Então. Hoje eu e o Jurandir Filho, CEO do Cinema com Rapadura e meu parceiro heterossexual do 99Vidas, encontramos o vlog abaixo:

Antes de mais nada eu peço que você controle esse seu ímpeto cínico e sem coração de julgar o vídeo do moleque como se esta fosse uma obra pela qual tu pagou pra ver numa tela de cinema. Encare o vídeo como ele realmente é: o produto de uma criança de aparentes 13 anos que tem algo pra falar (no caso, arminhas de brinquedo) e ferramentas necessárias pra divulgar suas opiniões na internet.

Quando vejo esse vídeo, tudo que eu consigo pensar é: “se eu tivesse uma câmera e internet nessa idade, isso é exatamente o tipo de coisa que eu faria“. A vontade de me expressar era grande já quando eu era moleque — eu adorava escrever, e junto com um amigo de escola eu gravava a Rádio Minhoca, um proto-podcast usando um gravadorzinho que o moleque tinha. Se câmeras fossem onipresentes na minha época de moleque, eu estaria me filmando falando sobre meus Comandos em Ação e minhas Tartarugas Ninjas.

Então achei bacana esse pivete dando a cara ao tapa na internet (um local muito mais propenso a recebe-lo com tapas do que qualquer outra coisa) simplesmente porque gosta de se expressar. Pensei no potencial que esse moleque tem, se já com essa idade sente o interesse de fazer algo assim (não se engane, seus cineastas/músicos/atores favoritos todos começaram a exibir interesse nessas artes com essa idade mesmo). E eu e o Juras resolvemos fazer uma boa ação.

Usamos de nossa considerável influência internética pra chamar várias pessoas pra dar joinhas e incentivar o Rafael com comentários positivos sobre essa empreitada dele de informar desconhecidos sobre as propriedades de sua arminha favorita. Vá lá no vlog do moleque, deixe um joinha, presentei-o com um comentário incentivador. Imagina a felicidade absurda que o moleque sentirá amanhã ao ver uma MULTIDÃO de estranhos valorizando o que ele fez, quando seus vídeos dificilmente chegam aos 100 views.

Imagina se alguém tivesse feito isso pra você quando tu era pivete.

E neste espírito, o Jurandir criou o Tumblr Corrente do Bem Webal, onde a premissa será encontrar esses garotos que gostam de produzir algo pra internet e deixar palavras de apoio.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe sua opinião aí. Você não tá fazendo nada mesmo!

comments

52 comments

  1. Muito bacana a iniciativa! Já dei meu(s) like(s).
    A internet é um “lugar” em que é muito fácil odiar as coisas. “Ah mas o Izzy Nobre não deixa ninguém do podcast falar” ou “Ah o Bruno Carvalho é muito chato” ou “Ah o 99 vidas dessa semana atrasou”… todo mundo sempre reclamando e nunca incentivando ou agradecendo pelo conteúdo produzido e disponibilizado.
    Valorizei a atitude!

  2. Caralho, que iniciativa foda de vocês! Uma tentativa muito boa de mudar essa cultura de ódio que está disseminada na internet, principalmente nos comentários do YouTube. Estão de parabéns! Torço para que o projeto cresça e que cresça muito, contaminando todo o mundo. É possível.

  3. Caramba , fico feliz só de imaginar a felicidade desse mlk quando vê essa tanto de comentário que tem lá , bela iniciativa !

  4. O foda é que já tem uns babacões indo lá chamar o muleque de “Gordo Punheteiro”. Mas parabéns pela iniciativa, mr Nobre, o internet precisa de mais ações desse tipo.

  5. Quando eu tinha 13 anos, ainda nos anos 90, eu fiz um site usando HTML via bloco de nota. Chegou a ter mais de 100 visitas por dia em média.

    Hoje eu tenho um canal no Youtube que até pouco tempo tava com um numero negativo de novos inscritos.

    Maravilha.

  6. Bacana a proposta, já que os ‘comentaristas de youtube’ são as pessoas mais sem alma da face da Terra e com certeza destruiriam a criança com ofensas, coitada.

  7. Boa Izzy, parabéns pela iniciativa! 🙂 Foi você que me inspirou a retomar o meu blog, agora de forma mais madura. Ele está linkado aí.
    Agora, foi esse vídeo que vc fez que me insentivou de vez: rel="nofollow"> parabéns cara!
    E quanto ao vídeo do moleque, eu também gostei. Não tanto pelo vídeo, e sim pq ele teve coragem de gravar e por no Youtube,
    acho que ele vai ficar feliz com o tanto de comentários que tem lá! Abç galera. 🙂

  8. Fala Izzy. Criei um twitter dia desses pra falar contigo e passei a tarde toda pedindo pra tu ler o meu tumblr. Tu até respondeu um “depois leio”, mas depois de 4 dias eu excluí o twitter, já que minha avó não tem conta lá, e isso reduziu meu número de seguidores a zero. Isso não foi um “ahh, você não leu meu tumblr buá”(mas não custa tentar de novo hehehe), sério. Parabéns pela atitude, é raro de ver isso e incentivo é o que muita gente que tem muita coisa pra falar tá precisando. Muito boa iniciativa!

  9. Vídeo devidamente “likado”, mesmo sem assistir, já que to sem tempo. O like é pela iniciativa, não pelo conteúdo 😉

  10. Muito legal…
    mas ainda assim tem gente como esse retardado ai abaixo que acaba com a magia do negócio e ainda arruma confusão.
    é foda mesmo!

    seiaseia10 1 hora atrás
    Esse comentário recebeu votos negativos demais
    Foi o Cauê que viu porque o Izzy pediu pra todo mundo dar uma ajuda pro moleque, pra ele se sentir feliz. Você não é obrigado a assistir o que o Cauê assiste. Se não gostou é só sair, você quer ser o que por acaso? uma cópia do Cauê pra assistir tudo que ele assiste?

  11. Vi hoje mais cedo o post e fiquei de olhar agora mais tarde quando voltasse do trabalho. O menino fechou a conta no youtube, o que será que aconteceu Izzy?

  12. Só eu que acho que é meio que uma faca de dois gumes pedir isso pra nós? você mesmo diz que conhece seu eleitorado… tem grandes chances de aparecer os HUEHUEHUE v1d4l0k4 só pra ofender o cara a troco de nada.

  13. o video tá off
    queria poder ter visto
    mas tá bacana o post izzy
    continue assim e tbm faća posts falando sobre quadrinhos

  14. Fui ver o video do moleque pra ver quantas views já tinha…

    “This video is no longer available because the uploader has closed their YouTube account.”

    Agora o Kid vai precisar explicar o que aconteceu no proximo post.

  15. Agora dá pra ter uma idéia do tipo de leitores que temos aqui (uma grande parte, não todos).
    São capazes de, mesmo após ler o post, ir lá e tirar sarro com o garoto… ao ponto de fazê-lo fechar a conta.
    O que era pra ser uma boa ação, acabou virando o famoso bullying.

    1. Na verdade mister até o momento que este incentivo tinha uma explicação tudo ocorreu normalmente, o Cauê Moura deu um curtir e a galerinha do vídeo dele não entendeu e veio zuar.

  16. Hey Kid!
    Vi essa ideia do Rafael e achei simplesmente fantastica uma boa iniciativa. Gostaria de recomendar pra você o canal do Smooth McGroove, acompanho o cara desde quando ele começou o canal dele, fazendo musica de jogos Acapella, ele tem uns 30k inscritos mas mesmo assim, acho que você vai curtir pra caramba o canal. 😀
    rel="nofollow">

  17. Mesmo que tenha sido outro blogueiro/vlogueiro, kid, não faça mais isso, existem trolls na mesma proporção de gente boa que segue você. Você já devia saber disso.

    Agora reúna os trolls daqui com outros de fora? pobre garoto.

    Sei que sua intenção é ótima, mas deixa quieto isso…

  18. Cara, de bem intencionados o inferno está cheio. Seu coração é puro, suas intenções são louváveis, mas abandone o projeto. Onde que flodar o vídeo (ou um site, um blog, o que for) será uma “boa ação”?

    Você não tem nenhum controle sobre o conteúdo do que irão escrever. Você está simplesmente mandando milhares de pessoas para o vídeo de crianças ou adolescentes -- e no meio desse mundaréu de gente, tem de tudo. Você, mais do que ninguém, sabe.

    Eu sei que você quer criar meio que um “conto de fadas” para a molecada. “Pô, que legal, tem milhares de pessoas no meu vídeo, que jóia”. E tudo é lindo, e é rosa, e são pôneis e a vida deles mudou e não tem mais câncer.

    Mas não vai dar certo. Repito: você vai flodar e estressar pessoas que não têm a estrutura para suportar isso.

    Uma forma de ajudar é você ir até o vídeo e o blog que você gostou e dizer: “oi, sou o izzy, tenho o tal blog há tantos anos, milhares de leitores, e comecei como você. Vai em frente, está no caminho”, etc.

    O adolescente vai receber o apoio que ele precisa, e exatamente do tamanho que ele consegue lidar.

    Bem fez o tal Rafael que deletou o vídeo e a conta. Ele recebeu mais uma maldição do que um apoio.

    Flw.

  19. Minha filosofia: ficar preocupado, irritado, triste, puto, chateado, nervoso… com qualquer coisa não ajuda em nada, só piora. Portanto…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *